Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Você está preparado para fazer cartão de crédito? Descubra

A- A+

Precisa sacar dinheiro no banco toda vez que vai ao supermercado? Quer fazer uma compra em um valor mais alto e precisa parcelar? Surgiu uma emergência no fim do mês e quer empurrar o pagamento para mais adiante? Talvez você esteja precisando fazer cartão de crédito.

Atualmente aceito em todo tipo de estabelecimento, do restaurante chique ao vendedor ambulante, o cartão de crédito se popularizou e hoje se encaixa com qualquer perfil de consumo.

“Não existe um perfil determinado de consumidor ou um tipo de compra que se deva ou não utilizar o cartão de crédito, ele serve para todo mundo, desde que a pessoa tenha um bom controle financeiro”, salienta o consultor de finanças Leandro Rassier.

fazer-cartao-de-credito

Cartão serve para todo tipo de perfil do consumidor. Foto: iStock, by Getty Images

Segundo o especialista, uma das grandes vantagens de se ter um cartão de crédito é a segurança, já que você não precisa sair com quantias expressivas de dinheiro para fazer pagamentos corriqueiros, como ir à padaria ou abastecer o carro. Além disso, em caso de roubo você não sai no prejuízo, basta bloquear o cartão.

Outro aspecto a favor é a possibilidade de acúmulo de pontos, que depois se convertem em descontos em compras, inclusive de passagens aéreas. Você sabe o que precisa para fazer cartão de crédito?

Renda é determinante para fazer cartão de crédito

Um dos critérios para que a operadora libere um cartão de crédito para você é a renda, principalmente ao fazer cartão de crédito pela primeira vez. Seu rendimento mensal precisa ser compatível com o perfil do cartão. Esses dados são comprovados por meio de suas movimentações no banco e em fontes externas, como empresas de proteção ao crédito.

Por isso, seu histórico de pagamentos de contas e financiamentos influenciará na aprovação do crédito e no limite de compras que será concedido. Se você tem histórico positivo, seu perfil de bom pagador provavelmente ajudará a conseguir maior limite de compras, enquanto consumidores com “nome sujo” terão limites mais baixos para usar o cartão.

Cuidado com o limite

Ter controle suficiente das finanças para não exceder o limite é o ponto central para saber se você está preparado para fazer cartão de crédito. A possibilidade de postergar o pagamento de uma compra ou fazer compras parceladas de forma mais prática pode ser uma armadilha para compradores compulsivos.

“O ideal é trabalhar com um limite menor, principalmente se for o primeiro cartão de crédito, depois esse limite pode ser reavaliado”, aconselha Rassier.

A orientação do especialista é para que você tenha um período de adaptação. Muitas vezes, novos usuários confundem o saldo com um valor disponível para gastar. Na verdade, o saldo é o limite de compras que você pode fazer até o fechamento da fatura, que você terá de pagar no mês seguinte. O não pagamento ou o pagamento parcial resulta na cobrança de juros.

“Se usado de maneira responsável, o cartão de crédito só traz benefícios, mas a pessoa precisa se organizar para ter dinheiro no vencimento da fatura”, reitera Rassier.

Cartões de crédito com benefícios

Se você gosta de comprar com praticidade e segurança, é bom conhecer os Cartões de Crédito Vivo. Com os cartões de crédito Vivo Santander e Vivo Itaucard 2.0, você tem diversas vantagens, como alerta SMS, bônus na recarga de celular, pontos no Vivo Valoriza, descontos nos ingressos de cinema e parcelamento em até 12 x sem juros nas Lojas Vivo.

> Cartão de Crédito Vivo: Conheça as vantagens

Gostou das dicas para fazer cartão de crédito? Compartilhe!

Casal melhora as finanças pessoais
melhores universidades do brasil
quando vale a pena ter cartão de credito
juros cobrados no cartão de crédito
como cancelar pedido feito no cartão de crédito
reembolso no cartão de credito