Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

VGBL é opção de investimento para a sua aposentadoria

A- A+

Ao contribuir com a Previdência Social ao longo dos seus anos de trabalho, você ganha o direito a receber benefícios. O principal deles é a aposentadoria, paga mensalmente pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Mas o valor recebido nem sempre é suficiente para manter o padrão de vida. É por isso que muitos apostam nos planos de previdência privada, como é o caso do Vida Gerador de Benefício Livre, ou apenas VGBL.

Características de um investimento em VGBL

Mesmo que se trate de um modelo de investimento específico, voltado à aposentadoria, é importante conhecer as características do VGBL e entender como elas podem ser atreladas às suas expectativas. Para Felipe Assunção, agente autônomo da Monte Bravo Investimentos, ele é uma alternativa eficaz para aqueles que desejam acumular recursos desde cedo, mas não possuem disciplina para guardar uma reserva mensal.

Mas, para que o retorno valha a pena, é preciso esperar. Afinal de contas, o VGBL é uma modalidade de aplicação a longo prazo, que costuma exigir pelo menos dez anos de espera, mas que traz resultados ainda melhores quando é possível esperar durante duas ou três décadas.

“Ao contratar esse benefício, o investidor deve cuidar em que fase da vida ele está, qual objetivo do plano, como acumulação, geração de renda ou blindagem patrimonial, e verificar também as tarifas envolvidas, como taxa de administração, taxa de carregamento e a rentabilidade do fundo de previdência”, destaca Assunção.

Uma das vantagens destacadas pelo investidor é a possibilidade de identificar as pessoas que vão receber o dinheiro acumulado em caso de sinistro com o titular. Como os seus recursos não entram nos inventários de herança, o recebimento do valor também costuma ser mais rápido.

Antes de contratar um plano de previdência privada, avalie as taxas envolvidas e as suas necessidades. Foto: iStock, Getty Images

Antes de contratar um plano de previdência privada, avalie as taxas envolvidas e as suas necessidades. Foto: iStock, Getty Images

Diferença entre VGBL e PGBL

Além do VGBL, é possível contratar o Plano Gerador de Benefícios Livres (PGBL). Ambos tem como objetivo o acúmulo de recursos como forma de receber rendimentos. A principal diferença aparece na hora de analisar a tributação sofrida.

Nos dois casos, o Imposto de Renda (IR) incide apenas no momento do resgate ou recebimento, e não ao longo de todo o período de acumulação. O que ocorre é que, enquanto no VGBL os tributos são cobrados apenas em relação aos rendimentos, no PGBL a cobrança ocorre sobre o valor total.

De modo geral, o VGBL costuma ser utilizado por quem ainda não tem renda tributável e faz declaração simplificada do IR. Já para quem tem renda tributável e tem que optar pela declaração completa, o PGBL surge como alternativa e pode deduzir um limite máximo de 12% da sua renda bruta anual.

> Conta Bônus: Transforme tarifas bancárias e anuidade do cartão em bônus para o celular

Gostou das dicas sobre para investir o seu dinheiro em VGBL? Compartilhe!

Planejando a aposentadoria de pessoa com deficiência
como lucrar vendendo cachorro quente
como lucrar vendendo bolo no pote
como funciona a aposentadoria por invalidez
o que é previdência complementar
tempo de aposentadoria por idade