Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Vestido de noiva: conheça modelos e veja dicas para comprar

A- A+

A escolha do vestido de noiva é um dos momentos mais importantes da preparação de uma cerimônia de casamento. O vestido traduz o estilo da noiva, o que o casamento representa para ela e também dá sinais de como será a decoração da festa. É com ele que as meninas mais românticas sonham desde a infância.

vestido-de-noiva

A escolha do vestido de noiva é um dos momentos mais importantes da preparação de um casamento. Foto: iStock, Getty Images

 

Os estilos de vestido de noiva

Geralmente, os vestidos são criados pela própria noiva e, por isso, não há muitas regras. Cada uma desenha o seu modelo, de modo que fale um pouco de si e valorize o corpo. Mas existem alguns pontos em cada vestido que determinam em que tipo de estilo ele se encaixa. Entre clássicos e modernos, é possível abusar das linhas, dos detalhes e dos volumes.

Vestido de noiva romântico  Romântico

O vestido de noiva romântico é aquele que lembra os trajes das princesas de contos de fadas. O corpo é mais detalhado, podendo conter brilhos, pedrarias, rendas, plissados e muito volume. As mangas volumosas são muito comuns. As saias são muito longas e volumosas, sustentadas por uma base de armação que deixa elas ainda mais bufantes e altas.

 

Vestido de noiva clássicoClássico

O modelo clássico é mais básico e tradicional. Não leva muitos detalhes ou mudanças, prezando sempre pela discrição. O corpo é liso, na maioria das vezes, variando apenas com a aplicação de rendas ou pérolas em pontos específicos. A saia é longa, mas não muito volumosa ou plissada. Costuma ficar mais colada ao corpo e valoriza as curvas do quadril.

 

vestido-de-noiva-moderno-2Moderno

Esses vestidos costumam ser utilizados pelas noivas que gostam de ousar. Eles variam no comprimento, no volume e unem uma série de tendências diferentes. Um exemplo de vestido de noiva moderno são aqueles que possuem saias volumosas e no estilo mullet, sendo mais curtas na frente e compridas atrás. Pode também fugir do branco tradicional.

 

Um vestido de noiva para cada corpo

Na hora de escolher o modelo do vestido de noiva é preciso pensar em um desenho que seja, ao mesmo tempo, algo que você gosta e que valorize o corpo que você tem. Mulheres que têm o corpo mais reto, sem muitas curvas, devem valorizar a cintura. Vestidos com saia evasê ou volumosa são ideais. Uma faixa marcando a cintura destaca ainda mais a região.

Quem possui os quadris muito largos deve apostar em modelos não muito volumosos, mas com a saia larga. Vestidos justos vão dar ainda mais destaque à região que você quer esconder. Invista também em decotes mais profundos, que chamem a atenção para a região do colo e dos ombros. Dessa forma, os quadris perdem destaque. Marcar a cintura ajuda nesse processo.

As mulheres que têm os ombros mais largos do que o quadril devem procurar aumentar o volume da parte inferior do corpo. As saias de princesa, longas e volumosas, dão a impressão de que o quadril é maior. Investir em alças mais largas ou mangas curtas no vestido de noiva, ajuda a disfarçar a largura dos ombros. Se você tem seios fartos, reforçar a segurança no busto também é importante.

Cartões ajudam a realizar sonho

Comprar vestido de noiva não é barato. Alugar, uma opção mais acessível, também não é tão em conta assim. Pode custar três vezes menos e ainda assim ser um investimento de alguns milhares de reais.

Por isso, a opção de parcelar essa compra sem juros é importante nessa hora. E com os cartões de crédito Vivo Santander e Vivo Itaucard 2.0, você tem diversas vantagens, como alerta SMS, bônus na recarga de celular, pontos no Vivo Valoriza, descontos nos ingressos de cinema e parcelamento em até 12 x sem juros nas Lojas Vivo.

> Cartões de Crédito Vivo: Conheça as vantagens

E aí, gostou das dicas para comprar o seu vestido de noiva e viver esse momento mágico? Comente!

lareira em apartamento
parcelar festa de casamento
parcelar viagens no cartão de crédito
Decidiu comprar binóculos potentes
Um belo cenário para viajar para casar
Problemas financeiros afetam o casamento