Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Venda coberta de opções é alternativa na Bolsa de Valores

A- A+

O mercado acionário é uma área, à primeira vista, complicada e cheia de expressões próprias, tornando-se um desafio para o investidor iniciante. Day trade, stop loss, On Balance Volume, swing trade e swap são alguns dos termos muito usados na Bolsa de Valores – e conhecê-los é essencial para aumentar suas chances de ganhar dinheiro. E sobre a venda coberta de opções, você já ouviu falar?

Analisando a venda coberta de opções

Como o risco é muito alto, só investidores experientes devem apostar na estratégia. Foto: iStock, Getty Images

O que é venda coberta de opções?

Para entender o que é a venda coberta de opções, primeiro você precisa saber o que são opções. Segundo o coach financeiro Bruno Papi, fundador da empresa General Investidor, o termo serve para designar contratos futuros de compra ou venda sobre determinado ativo. “Uma ação de uma empresa listada em Bolsa de Valores é um exemplo”, cita o especialista.

Sabendo disso, fica mais fácil entender o significado e a aplicação da venda coberta de opções. A estratégia costuma ser utilizada por investidores muito experientes no mercado de valores e, por isso, deve ser feita com bastante cautela.

Ela consiste em vender opções, contratos futuros que você não possui, dando como garantia ações da empresas listadas em Bolsa que você tem, explica Papi.

“Assim, caso a opção em sua data de vencimento seja exercida, ou seja, o comprador queira receber esse contrato futuro, você deverá entregar as suas ações que deixou como garantia para encerrar a operação”, completa. Caso não seja exercida, você fica com o valor da venda das opções e mantém suas ações.

Trata-se de uma estratégia relativamente simples, mas que exige conhecimento elevado sobre Bolsa de Valores para entender todo o risco ao qual o investidor se sujeita. Por isso, deve ser evitada por iniciantes no assunto, pois até os mais experientes estão sujeitos a perdas significativas.

Vantagens e desvantagens da estratégia

Assim como todas as operações que envolvem aplicações financeiras, a venda coberta de opções tem o seu prós e contras. Talvez a principal vantagem da estratégia seja a alavancada com menos riscos do investidor.

Isso porque você oferece como garantia as suas próprias ações, que comprou anteriormente, ou algum ativo de renda fixa que detenha em carteira, permitindo um bom retorno sem desembolsar nenhum dinheiro.

Já dentre os aspectos negativos se pode citar a desvalorização. Uma vez que o investimento pode ser exercido por um valor muito abaixo do qual você comprou suas ações em um primeiro momento, logo, quando acontecer a entrega de papéis, terá uma grande perda de patrimônio.

Outro ponto que precisa ser analisado é o período inativo das ações. Como elas ficarão como garantia da operação, você não poderá operá-las até que recompre as opções vendidas ou passe o prazo de vencimento.

Você vai se interessar por:

Segurança para você e sua família

Mais do que estar com suas finanças protegidas, manter a segurança da sua família é a melhor dica. Com o Seguro de Vida Plus, você protege seus beneficiários em caso de morte e morte acidental e ainda conta com auxílio funeral. Entre em contato com Central de Relacionamento – Parceria Seguros Vivo e contrate o seu.

> Seguros para Você: Conheça seguros de vida e acidentes pessoais

Gostou de saber mais sobre a venda coberta de opções? Compartilhe as dicas!

O controle financeiro pessoal e o futebol
Taxa para investir em ações
Ela aposta na longevidade saudável
Conversando sobre direitos do consumidor do plano de saúde
Pacientes com mais de 60 anos têm direito a acompanhante em caso de internação. Foto: iStock, Getty Images
Passo a passo para planejar financeiramente a gravidez