Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja o que muda no novo passaporte brasileiro

A- A+

Foi com a intenção de aumentar a segurança do viajante que o Governo Federal desenvolveu o novo passaporte brasileiro. A melhoria foi apresentada à população no início de julho.

A mudança mais marcante no documento expedido pela Polícia Federal é o aumento na sua validade: agora, quem fizer ou renovar o novo passaporte brasileiro poderá utilizá-lo por 10 anos – o dobro de tempo do modelo anterior. A medida, segundo o ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, atende a um padrão internacional.

seudinheiro-novo-passaporte-brasileiro

Maior vantagem do novo passaporte é o aumento na sua validade. Foto: iStock, Getty Images

Outras mudanças no novo passaporte brasileiro

Além do aumento da validade, o passaporte foi aprimorado para ampliar a sua confiabilidade e evitar falsificações. De acordo com a Polícia Federal, o documento conta agora com um novo padrão de criptografia para assinatura digital, o que aumenta a segurança dos dados gravados no chip.

A capa do novo passaporte brasileiro possui novo layout, além de terem sido realizadas alterações na imagem fluorescente, que não pode ser vista a olho nu. “Quando a tecnologia avança, o crime também se apropria da tecnologia para avançar, então, o Estado tem que estar atento a isso”, justificou o ministro Cardoso em entrevista à Agência Brasil.

Valores do novo passaporte brasileiro

Quem ainda não fez o seu passaporte ou renovou o documento há pouco tempo, não precisa se preocupar. O modelo antigo poderá ser usado até o fim do seu prazo de validade.

Quando chegar a hora, no entanto, é preciso preparar o bolso: as melhorias propostas para o documento cobram um preço. Anteriormente, a sua emissão custava R$ 156,07. Agora, para expedir o novo passaporte brasileiro, é preciso desembolsar R$ 257,25 – um aumento de quase 65%.

Aos brasileiros que moram no exterior, a novidade também deve chegar em breve. Segundo o Ministério das Relações Exteriores, o documento será lançado em agosto, primeiramente nos consulados brasileiros na América do Sul e América Central, em seguida chegará também à África, Ásia, Europa e Oceania, chegando à América do Norte em outubro.

Você vai se interessar por:

Encaminhamento não muda

Apesar das mudanças propostas para aperfeiçoar a segurança do novo passaporte brasileiro, o procedimento para o seu encaminhamento continua o mesmo.

O interessado em fazer o primeiro documento ou a sua renovação deve acessar o site da Polícia Federal. Lá, após a inclusão dos dados, será emitida a Guia de Recolhimento da União (GRU), que deve ser paga antes do vencimento. Dependendo da cidade, nesse momento, também é preciso realizar o agendamento prévio do atendimento (escolha de data e hora para entrega dos documentos solicitados).

 Perdeu o passaporte?

Se você perdeu o passaporte, a solução é simples, mas sobram dúvidas. A primeira atitude é registrar um boletim de ocorrência em uma delegacia de polícia. Em alguns lugares, já é possível fazer isso até de forma online. A partir daí, siga este caminho para tirar um novo.

Gostou das mudanças sobre o novo passaporte brasileiro? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

como economizar na limpeza
Como tirar manchas de mofo e bolor da parede
Há como saber se o imóvel tem Habite-se
Adotando cuidados com documentos pessoais
Solicitando a segunda via de documento do veículo
Homem procurando uma casa de família para deixar seu cachorro.