Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja o que fazer para economizar com o enxoval de bebê

A- A+

A chegada de um novo integrante na família, seja planejada ou não, geralmente vem acompanhada de uma alguma preocupação financeira. Afinal, o que fazer para economizar com o enxoval de bebê? Se você está nesse dilema no momento, confira algumas dicas para poupar agora e guardar para necessidades futuras.

O que fazer para economizar

É preciso planejar os itens por ordem de prioridade para economizar no enxoval. Foto: iStock, Getty Images

Enxoval do bebê: o que fazer para economizar

Em nove dicas, saiba como acertar nas despesas, veja o que fazer para economizar e não gaste mais do que o necessário no aguardo do seu filho.

Controle-se

Autocontrole é o primeiro exercício para economizar. Qual mãe não sonha em comprar absolutamente tudo para seu filho? Contudo, corre-se o risco de adquirir muitas coisas desnecessárias e faltar dinheiro para outras mais importantes.

Comece com o básico

O melhor é comprar itens essenciais e fazer uma lista (com o que você ainda não tem) para o chá de bebê. Além disso, os itens da criança ocupam muito espaço na casa. Por isso, evite comprar demais, até porque corre o risco de não utilizar muitas peças.

Se estiver com pouco dinheiro, pense se precisa mesmo daquela super banheira importada que ocupa quase o banheiro todo. A boa e velha banheira de plástico ainda cumpre bem o seu papel.

Pesquise

Por mais que você tenha se apaixonado por um item na loja X, é possível encontrá-lo com um preço melhor na loja Y e, principalmente, na internet. Sempre que puder, procure comprar na web. A economia é grande.

Cogite usados

Os bebês crescem muito rápido e, por isso, utilizam pouco suas roupas. Hoje em dia, existem brechós infantis de excelente qualidade, vendendo peças com cara de novas – e por um preço bem menor. Também é uma forma de adquirir itens mais caros como carrinho, bebê-conforto, cadeirão e até mesmo a mobília do quarto.

Invista em qualidade

Em muitos casos, é melhor comprar uma roupinha mais cara e de boa qualidade do que três roupinhas que vão encolher ou deformar na primeira lavagem. E isso vale para tudo. Se comprar boas peças e cuidá-las, tem a possibilidade de revender tudo depois.

Quantidade

Itens que serão utilizados em grande quantidade, como fraldas descartáveis, podem ser estocados. Nesse caso, vale a pena aguardar boas promoções ou até mesmo pedir apenas fraldas como presente no chá de bebê.

Você vai se interessar por:

Empréstimos

A maior parte do enxoval de bebê será utilizada apenas por um tempo e permanecerá praticamente nova. Cogite empréstimos de amigos e parentes, principalmente de itens de maior valor.

Converse com outros pais

Se é o seu primeiro filho, ou se seu filho mais velho já tem mais idade e muitos itens novos surgiram, converse com outros pais para ver o que realmente se usa no dia a dia e o que acaba ficando guardado no armário. Além dos conhecidos, há muitos fóruns de discussão na internet.

Eletrônicos não

Esses aparelhos, via de regra, quase nem são utilizados e seu preço alto pesa bastante no orçamento dos pais. Resista e deixe sua compra por último. Assim, poderá avaliar melhor se realmente irá precisar.

 

Você já sabe o que fazer para economizar com o enxoval? Compartilhe as dicas!

como lucrar vendendo cachorro quente
como lucrar vendendo bolo no pote
como abrir uma franquia de alimentos
como abrir uma empresa de coleta de entulho
o que fazer com as crianças
como se relacionar com as pessoas no ambiente de trabalho