Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja quanto custa manter e cuidar de um gato

A- A+

O Brasil é o quarto país com o maior número de animais de estimação, segundo levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet). Esses amigos conquistam corações. Mas há custos envolvidos para manter a saúde e o bem-estar do pet. Segundo a organização, tem crescido o número de pessoas que optam por ter gatos é menor do que os que preferem cães. Mas a expectativa é de que, em 2022, o número de felinos alcance o de cachorros nas casas do país. Por isso, reunimos dicas para economizar nos cuidados com seu gato.

A boa notícia é que a Abinpet mostra que os gastos com o gato são relativamente baixos, pelo menos quando comparados aos custos de um cão. Todos os dados de custos apresentados aqui são de pesquisas da associação, cuja edição mais recente é de 2014. Enquanto um cachorro de porte grande chega a custar R$300 por mês, em média, o felino gasta em torno de R$85 mensais.

Análise dos custos para tratar um gato deve ser feita antes da compra. Foto: iStock, Getty Images

Análise dos custos para tratar e manter um gato deve ser feita antes da compra. Foto: iStock, Getty Images

Custos de manutenção de um gato

Desse valor, um dos maiores gastos com o animal de estimação é a assistência médica veterinária. O tratamento de doenças graves ou exames podem chegar a custar R$600. Os remédios para o gato saem, em média de R$ 50 a R$70 — o que depende muito da necessidade. A melhor maneira de evitar esse gasto é cuidando bem do seu bichinho. Não deixe que ele fique muito exposto a chuvas, por exemplo, e nem que coma qualquer coisa. Doenças também podem ser adquiridas pelo convívio com animais contaminados.

Uma maneira de evitar uma situação de saúde mais séria é manter as vacinas do seu gato em dia. Aproveite que cada vacina custa cerca de R$8, ainda segundo a Abinpet.

Banho e ração

O banho e tosa em pet shop custa cerca de R$25 (também conforme a associação citada). Há opção de dar banho em casa. Há diversas receitas caseiras de banho a seco, que prometem bons resultados, com menos incômodo para os gatos.

Já para economizar na ração do seu bichano você precisa pesquisar preços antes de se decidir por alguma marca. De acordo com a Abinpet os preços variam, mas há opções para todos os gostos. As rações de qualidade padrão ocupam apenas entre 1,8% e 4.1% do orçamento familiar das classes D e C. A variação de preço vista no levantamento foi de R$ 12, em média, alcançando R$ 26 mensais. Também é importante ficar de olho nas promoções.

Para economizar com a areia higiênica do seu gato é preciso fazê-la render, evitando desperdício. Lave com frequência a caixa de areia de seu gato e seque bem antes de repor a areia higiênica.

Gostou das dicas para calcular os custos com um gato? Compartilhe!

viagem com pets
Aprendendo como lavar carro com economia
Carro pode ter câmbio manual ou automático
Tomada pode ser 110 ou 220
Voltagens das cidades brasileiras varia
Casal discute partilha de dívidas no divórcio