Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja como melhorar hábitos de consumo e produzir menos lixo em casa

A- A+

Você liga a televisão, assiste ao telejornal e tem contato com várias informações sobre como o meio ambiente é afetado na sociedade atual. Boa parte da culpa recai sobre os nossos próprios hábitos de consumo, que levam a uma maior geração de lixo, por exemplo. Mas se o que tira mesmo o seu sono são os problemas financeiros, a boa notícia é esta: ser sustentável ajuda na hora de economizar. Quer saber como?

Hábitos de consumo x problemas ambientais

A estimativa do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) é que a quantidade mundial de lixo passe de 1,3 bilhão de toneladas para 2,2 bilhões de toneladas até 2025 caso os hábitos de consumo não mudem. Tudo isso na carona do aumento da classe média, cuja estimativa é de um salto de 2 bilhões para 5 bilhões de pessoas nesse período.

Conforme os especialistas do Pnuma, os hábitos de consumo em excesso – que gera uma quantidade grande de embalagens que serão descartadas na natureza depois – podem ameaçar até mesmo algumas necessidades básicas do ser humano, como água limpa e segurança alimentar.

É aí que o alívio no bolso pode ser parceiro de um mundo mais sustentável. Reduzir o consumo implica em fazer a escolha certa dos produtos, em evitar o desperdício, em gastar menos com itens supérfluos e cuidar melhor da saúde (menos doenças, menos gastos com remédios). Não é difícil entender que tudo isso pode ter um reflexo positivo nas finanças pessoais. Só depende de você.

seudinheiro-habitos-de-consumo

Separar o lixo é uma ótima forma de começar a mudar seus hábitos. Foto: iStock, Getty Images

7 hábitos de consumo que você pode adotar

1. Eliminar os descartáveis

Mesmo perdendo alguns minutos a mais para terminar uma refeição, preparar seu próprio molho de tomate pode ser mais saboroso e mais saudável. Esse é um hábito de consumo que pode ser aplicado a diversas situações para evitar a compra de muitas embalagens.

2. Compre a granel

Comprar alimentos a granel evita aquelas inúmeras embalagens e pacotes internos dos produtos industrializados. Os alimentos “soltos” podem vir em saquinhos, claro, mas esses você ainda poderá reutilizar antes de colocar no lixo. De qualquer forma, você terá quantidade menor de plástico para ser descartada posteriormente na natureza.

3. Utilize refil

Guardar a embalagem original de um produto e comprar o refil para repor é mais um dos hábitos de consumo que você pode adotar. Dessa forma, uma embalagem pode ser reaproveitada muitas vezes antes do descarte definitivo.

4. Leia jornais e revistas online

Todos sabem que, para fabricar papel, é preciso derrubar árvores. Por isso, a leitura online se torna, digamos assim, mais ecológica.

5. Conserte

Nem tudo o que está quebrado precisa ser jogado no lixo. Consertar objetos pode parecer fora de moda, mas cogite adotar entre os seus hábitos de consumo um costume que nossos pais e avós tinham. Pense nisso: além de prolongar a vida útil dos seus pertences, ainda garante uma bela economia.

Você vai se interessar por:

Veja dicas de iniciativas de reaproveitamento e inspire-se

Casa ecológica e autosuficiente pode ser bom negócio

Eletrodomésticos eficientes favorecem a economia de energia

6. Evite as sacolas plásticas

Mesmo quando você compra uma barra de chocolate, ela vem dentro de uma sacola plástica. Mas você pode dispensá-la quando não for necessária. Se precisar de mais itens no supermercado, que tal levar sacolas de casa ou um carrinho de compras?

7. Planejar as compras para não haver desperdício

Comprar em excesso no supermercado – principalmente alimentos – pode gerar desperdício. Afinal, muitos alimentos estragam antes de você consumi-los. Para evitar essa situação, faça uma lista de compras antes.

 

Gostou das dicas para hábitos de consumo? Compartilhe!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
feiras de trocas
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria