Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja como funciona o programa Nota Fiscal Paraná

A- A+

Com o programa Nota Fiscal Paraná, além de ajudar a combater a sonegação de impostos, o contribuinte ainda pode reaver valores em dinheiro. Essa é uma boa forma de economizar em um ano de crise.

O programa da nota fiscal paranaense, que conta com similares em outros estados, é um estímulo do governo para que o comércio pague os impostos corretamente, por meio da emissão de nota fiscal.

Nota fiscal Paraná pode ser usada para conseguir desconto no IPVA.

Créditos podem ser devolvidos em dinheiro e até em abatimento no IPVA. Foto: iStock, Getty Images

Para que consumidor seja beneficiado com esse processo, é preciso, em primeiro lugar, fazer um cadastro no site Nota Paraná. Depois de estar devidamente vinculado ao programa, você pode solicitar a inclusão do seu CPF nas notas fiscais dos estabelecimentos cadastrados.

Benefícios da Nota Fiscal Paraná

À medida que você acumular créditos, pode resgatá-los de diversas formas. Com um mínimo de R$ 25, já é possível solicitar o valor em dinheiro, por meio de depósito em conta corrente. Com R$ 5, pode-se solicitar crédito para ligações de celular. Os bônus acumulados a partir de 2016 poderão também ser transformados em abatimento no IPVA a ser pago em 2017.

Cadastro na Nota Fiscal Paraná

1 – Registro

A primeira etapa consiste em fazer um cadastro, diretamente no site do programa. Quanto mais qualificadas as informações, mas confiável se torna a sua conta. Assim, aumenta o número de serviços oferecidos pela web e os valores para resgate.

2 – Solicite o CPF na nota

Sempre que comprar um estabelecimento cadastrado, o consumidor deve solicitar a inserção do seu CPF na nota. Além de acumular benefícios, ele também concorre a sorteios frequentes promovidos pelo programa.

3 – Emissão da nota fiscal

Depois que o estabelecimento emite a nota, as informações são enviadas à Receita Estadual. Essa é a garantia de que o imposto chegará aos cofres do Estado, para seus devidos fins.

4 – Recolhimento

O comerciante calcula e paga seus impostos ao Estado, com base em todas as notas fiscais emitidas no mês.

5 – Cálculo

O Estado paga até 30% sobre o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) dos produtos que você consumiu. Para saber exatamente qual o tamanho do seu bônus, é preciso consultar sua situação no site.

Hoje, já são 648,6 mil cidadãos cadastrados no programa e 212,8 mil estabelecimentos participantes. Até janeiro de 2016, já foram devolvidos R$ 41.229.416,01 em créditos. Além dos benefícios aos quais têm direito, a cada R$ 50 em compras os participantes têm direito a um cupom para sorteio, de forma cumulativa.

Você vai se interessar por:

Seu nome protegido

Você já conhece o Vivo Alerta CPF? Entre as suas funções, está o envio de um SMS ao cliente toda vez que ocorrer uma alteração no status do seu nome nas bases de dados da Serasa Experian, toda vez que uma empresa consultar o nome do cliente nessa base de dados e ainda quando o seu nome estiver prestes a ser negativado. Além disso, o cliente recebe exclusivas dicas antifraude e pode visualizar o relatório completo sobre o seu CPF.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

E aí, curtiu as dicas para participar do programa da Nota Fiscal Paranaense?

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças