Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja como evitar roubo de moto e não fique no prejuízo

A- A+

A realidade da insegurança se mostra dura: até pouco tempo, as motocicletas mais visadas se restringiam a poucos modelos. Hoje, ladrões parecem não escolher vítimas e é importante adotar medidas de segurança para evitar roubo de moto, o que pode resultar em prejuízos significativos, especialmente se você não tiver contratado um seguro.

Uma estatística divulgada pela Suhai Seguros aponta que, em 2015, os modelos de moto mais roubados foram Yamaha YS 250 cilindradas Fazer, Honda CG 150 cilindradas, Honda CB 300 R, Honda XRE 300 cilindradas e Honda CG 125 cilindradas. Como se pode ver, há veículos de todas as potências.

Tentando evitar roubo de moto

Prestar atenção ao seu redor é atitude básica para evitar a ação de assaltantes. Foto: iStock, Getty Images

Como evitar roubo de moto

Assustado com as estatísticas? Se você quer evitar roubo de moto, as cinco dicas a seguir podem ajudar. Lembre-se que o veículo é seu patrimônio e que esse tipo de ocorrência causa sérios transtornos, tanto ao seu bolso quanto à sua rotina.

1. Mantenha o veículo travado

Comprar uma trava de segurança é fundamental. Ela não é uma garantia contra roubo, mas complica um pouco a ação dos ladrões. Há uma diversidade de peças no mercado, porém o mais importante é escolher um modelo que seja rápido e fácil para colocar e tirar. Afinal, passar muito tempo trancando ou destrancando o veículo é bastante perigoso.

2. Cuide com a garagem

Mesmo nos momentos em que está na garagem, a moto pode ficar vulnerável à ação de bandidos. Se você mora em casa, é melhor deixá-la fora do campo de visão de quem passa na rua. Caso não seja possível, melhor cobrir o veículo com uma capa ou mesmo um pano. Se mora em condomínio, a segurança deve ser maior. Ainda assim, sempre trave o veículo.

3. Atenção por onde anda

Não há como prevenir 100% um assalto, mas não custa tomar cuidado. Isso também significa evitar circular em locais desertos, sobretudo à noite ou de madrugada. O mesmo vale para o estacionamento. Se precisar deixar a moto na rua, procure lugares mais movimentados e, de preferência, que tenha alguém “de olho” – em frente à portaria de um prédio ou de um comércio, por exemplo.

4. Seja rápido

Você já ouviu o ditado “a ocasião faz o ladrão”? Anote aí: os motoristas mais distraídos estão mais vulneráveis. Seja rápido ao colocar o capacete, retirar a trava e dar a partida. Pessoas lentas chamam a atenção dos assaltantes – que costumam ser muito rápidos.

5. Fique atento

O simples fato de prestar atenção ao seu redor reduz muito as chances de um assalto. Olhar em volta antes de estacionar ou de pegar a moto para partir já é de grande ajuda. Na maioria dos casos, o ladrão também está de moto, na carona de um comparsa.

Outra dica importante é prestar atenção ao retrovisor quando estiver dirigindo. Caso identifique alguém suspeito vindo em sua direção, procure parar em um lugar movimentado, como um posto de gasolina. Tome um café e puxe assunto com alguém até afugentar os bandidos. Eles certamente irão procurar alguém que esteja mais vulnerável.

Você vai se interessar por:

Segurança para sua família

Para se precaver e garantir mais segurança para você e sua família, além de adotar dicas para evitar roubo de moto, você pode conhecer os seguros de acidentes pessoais e vida, oferecidos pela Vivo, em parceria com a ACE Seguradora.

A contratação garante minutos grátis para falar de Vivo para Vivo nos finais de semana, além de sorteios mensais pela loteria federal. Tudo isso com a comodidade de pagar o seguro através da fatura do celular.

> Seguros para Você: Conheça seguros de vida e acidentes pessoais

Você também tem uma boa dica para evitar roubo de moto? Comente!

O controle financeiro pessoal e o futebol
Ela aposta na longevidade saudável
Conversando sobre direitos do consumidor do plano de saúde
Pacientes com mais de 60 anos têm direito a acompanhante em caso de internação. Foto: iStock, Getty Images
Passo a passo para planejar financeiramente a gravidez
Opção para investir em commodities