Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja como economizar no casamento com pequenos ajustes

A- A+

O dia do “sim” é o sonho de muitos casais apaixonados. É claro que a sua realização tem um preço, mas ele pode ser maior ou menor, dependendo do seu objetivo e de algumas opções que irá fazer. A boa notícia é que há como economizar no casamento fazendo escolhas diferenciadas.

Aprender como economizar no casamento ajuda o bolso dos noivos.

Para a hora do sim ser ainda mais perfeita, é bom planejar as despesas. Foto: iStock, Getty Images

Como economizar no casamento em 9 dicas

Para facilitar a compreensão sobre como economizar no casamento, vamos dar as dicas por ordem de prioridade. Elas podem servir também como uma espécie de cronograma para sua festa. Confira:

1. Lista de convidados

A primeira iniciativa do casal é definir a lista de convidados. Se optar uma uma festa mais enxuta, pode escolher um salão menor e, consequentemente, mais barato.

2. Civil x festa

Para aqueles que pretendem casar somente no civil e oferecer uma recepção especial, a dica é assinar os papéis já no espaço da festa. Sim, é um pouco mais caro fazer isso fora do cartório, mas compensa. Isso significa apenas um vestido para a noiva e um terno para o noivo.

3. Preço do salão

O orçamento do salão não deve ser o único parâmetro para a decisão. É preciso avaliar que o que está no pacote: se há garçons, estacionamento, segurança, buffet e tudo mais. Se precisar contratar tudo à parte, o preço pode dobrar. Portanto, analise as opções e coloque tudo na balança.

4. Decoração

A escolha do salão também influencia muito no valor da decoração. Quanto mais bonitos estiverem o piso, as paredes, as mesas e cadeiras, menos “enfeites” você precisará no dia. Aviso aos marinheiros de primeira viagem: a decoração é um dos itens mais caros do casamento.

5. Igreja

Sim, casar na igreja também tem um custo. Muitos casais dividem a decoração do templo, que permanece a mesma para todas as cerimônias do dia. Pode ser uma alternativa para quem deseja descobrir como economizar no casamento.

6. Data e horário

A escolha do horário pode influenciar nos gastos. Casamentos diurnos, por volta das 16 horas, requerem apenas um coquetel. Certamente, o gasto é menor do que um jantar completo. Quanto à data, meses menos concorridos, como janeiro e fevereiro, também costumam ter preços menores.

Você vai se interessar por:

Saiba como economizar dinheiro com festa de casamento

Sim, é possível ter um casamento simples e bonito. Veja como

Planejamento é a chave para realizar o casamento dos sonhos

7. Comida e bebida

Para um jantar, não é necessária uma grande variedade de pratos. Quanto mais opções, maior o preço e o desperdício. Se quer economizar no casamento, um coquetel é opção ao buffet. Quanto à bebida, caso não esteja incluída no serviço, tente conseguir um fornecedor que trabalhe por consignação. Sai bem mais barato.

8. Vestido

Se você não faz questão de exclusividade, pode excluir a opção do primeiro aluguel e escolher um modelo que já foi usado. A diferença de preço é grande.

9. Lembrancinhas

Embora seja um item supérfluo, quase ninguém abre mão. Para economizar, você pode apostar no ‘do it yourself’ (faça você mesmo) ou deixar os tradicionais bem casados como lembrancinhas.

 

E você, tem uma dica sobre como economizar no casamento? Comente!

como lucrar vendendo cachorro quente
como lucrar vendendo bolo no pote
como abrir uma franquia de alimentos
como abrir uma empresa de coleta de entulho
como se relacionar com as pessoas no ambiente de trabalho
como aumentar a produtividade