Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja 5 dicas para colocar as contas atrasadas em dia

A- A+

Para alguns, trata-se de um caso pontual, um descuido. Para outros, uma rotina. Seja qual for o motivo de suas contas atrasadas, o fato é que é possível (e necessário) colocá-las em dia.

Esse é um problema que atinge a maior parte da população, conforme revela um levantamento da Câmara Nacional do Comércio (CNC). Até junho, nada menos que 62% das famílias brasileiras estavam endividadas.

Mulher com as contas atrasadas.

Negociar o débito e pagar primeiro as contas de maiores juros são boas dicas. Foto: iStock ,Getty Images

Contas atrasadas: por onde começar

Além de ser uma situação desagradável, pagar contas atrasadas pode gerar dúvidas e até um certo desespero ao não saber por onde começar.

E a resposta não é tão óbvia quanto parece. Especialistas em educação financeira indicam a análise, antes de mais nada, se o seu atraso é passageiro, ou se você já é um endividado crônico. Só então será possível definir a melhor forma de colocar tudo em dia, caso a caso.

Se você é um endividado crônico – ou seja, já vem há meses sem conseguir honrar seus compromissos, mesmo não havendo imprevistos financeiros – é preciso reavaliar a maneira como lida com dinheiro. Se for necessário, vale pedir ajuda a um especialista.

Como colocar as contas atrasadas em dia

Conhecimento

Além de fazer um registro de todas as contas (mesmo as variáveis ou as que estão em dia), para ter uma ideia mais clara da entrada e saída de dinheiro, é preciso entender o custo e os riscos de estar com as contas atrasadas, como ficar negativado ou ter um bem retomado.

Cálculos

Após criar a sua planilha, é interessante fazer um cálculo do total das dívidas. Em algumas situações, vale a pena contrair uma divida mais barata (como um empréstimo pessoal com juros menores) para liquidar uma mais cara, como o total de débitos ou aquelas com a maior correção.

Cheque especial x rotativo

Se você está com as contas atrasadas por um motivo passageiro (como um imprevisto, por exemplo), recorrer ao cheque especial ou ao rotativo do cartão pode não ser tão tuim quanto parece.

Pode valer mais a pena pagar juros extras do que deixar de lado outras prestações importantes, como um financiamento imobiliário ou um empréstimo pessoal. Das duas opções, o cheque especial oferece juros menores, com a vantagem que não há cobrança de outros encargos. Mas nos dois casos, é preciso fazer uma boa avaliação antes.

Renegocie dívidas

Antes de colocar em dia as contas com juros maiores, tente a renegociação. Se você conseguir um valor para pagar à vista, a chance de obter um bom desconto é grande.

Antecipe-se

Para não voltar a cair em dívidas, você pode separar antecipadamente o dinheiro para aquelas contas que já sabe que vão chegar, como IPTU e IPVA. Vai tirar férias? Seu pacote de viagem também pode ser providenciado antes, o que garantirá um preço melhor.

Você vai se interessar por:

Condômino inadimplente pode acabar em lista de negativados

Dicas para controlar as contas e manter o nome limpo na praça

Aprender a organizar gastos é essencial para saúde financeira

Evite ser negativado

Se você convive com dívidas, precisa conhecer o Vivo Alerta CPF. Entre as suas funções, está o envio de um SMS ao cliente toda vez que ocorrer uma alteração no status do seu nome nas bases de dados da Serasa Experian, toda vez que uma empresa consultar o nome do cliente nessa base de dados e ainda quando o seu nome estiver prestes a ser negativado.

Além disso, o cliente recebe exclusivas dicas antifraude e pode visualizar o relatório completo sobre o seu CPF.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Gostou das dicas para pagar as contas atrasadas? Deixe seu comentário.

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças