Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Valor da cesta básica em Belém subiu 14,5% desde janeiro

A- A+

Na maior parte do pais, os preços dos produtos de primeira necessidade vêm acumulando altas. O valor da cesta básica em Belém, que foi de R$ 402,97 em maio, conforme o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), já aumentou em 14,50% desde janeiro deste ano.

No entanto, se analisado comparativamente ao mês de abril, houve uma queda de 2,31%. Das 27 capitais pesquisadas, 17 registraram alta nos preços na última pesquisa divulgada pelo instituto. Nos estados do Norte e Nordeste, produtos como o feijão, leite e manteiga foram os que mais subiram.

Em todas as suas pesquisas, o Dieese também faz um cálculo sobre o custo de vida do brasileiro. Em maio, considerando valor médio da cesta básica, o instituto verificou que seria preciso uma renda líquida de R$ 3.777,93 para arcar com as despesas básicas de uma família – incluindo gastos com moradia, alimentação, vestuário, saúde e educação.

Fique em dia com as finanças mesmo com o valor da cesta básica em Belém mais alta

Manter o orçamento no azul tem sido difícil para muita gente. Por isso, algumas dicas de educação financeira podem cair bem. Confira os três R’s úteis no planejamento financeiro.

1. Registre

É preciso organizar as contas para ter um controle pleno. Por isso, anote o seu rendimento líquidos e os seus gastos – todos, sem exceção. Ao fazer isso, analise os números, estude e já faça a previsão de gastos para os meses seguintes, computando impostos, pagamentos de parcelas e outras dívidas que estão por vir. Essa medida evitará que você fique sobrecarregado nos meses seguintes.

2. Reveja

Adaptar-se ao seu verdadeiro padrão de vida é fundamental. Isso significa não apenas revisar seus impulsos pela compra de futilidades, mas mesmo outros hábitos como comer fora todos os dias ou o padrão de escola que escolheu para o seu filho. Elimine despesas e não faça contas prolongadas sem planejamento.

valor da cesta básica em Belém

Produtos da cesta básica subiram em 17 capitais pesquisadas. Foto: iStock, Getty Images

Muitas vezes, até mesmo seu estilo de vida como o carro que você tem, o valor do condomínio que paga e muitos outros hábitos financeiros não estão de acordo com o que seus rendimentos realmente dão conta. Pense nisso e faça um estudo detalhado da sua vida financeira.

3. Reserve

Uma atitude fundamental para não entrar em dívidas (sobretudo para quem vive com o dinheiro contado) é fazer uma reserva financeira para ser utilizada em caso de emergência. É esse recurso que vai evitar o endividamento no caso de um encanamento quebrado ou um tratamento de saúde.

Você vai se interessar por:

Crédito Bonificado Governo: vantagens para você

Se você é cliente Vivo e participa de algum programa de estímulo à nota fiscal em seu estado ou município, pode trocar os créditos por recargas Vivo, tanto no Pré-Pago quanto no Plano Controle. E o melhor: com o Crédito Bonificado Governo, você ainda ganha um bônus que dobra o valor do crédito, aumentando o benefício. Não perca tempo e faça seu cadastro: é rápido e sem nenhuma tarifa.

> Crédito Bonificado Governo: Troque valores em nota fiscal por créditos Vivo

O que achou do valor da cesta básica em Belém? Comente.

vale a pena usar roupas de marca
feiras de trocas
Saiba como ganhar uma renda extra com aluguel
não consigo pagar o aluguel
trabalho temporario no canadá
trabalho temporário no exterior