Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Vai abrir empresa? Saber o que é payback é fundamental

A- A+

Se você pensa em abrir uma empresa, saber o que é payback e como calculá-lo é fundamental para sobreviver aos primeiros meses e anos. Afinal, não vai adiantar ter ótima ideia e um espírito empreendedor apurado se você não conseguir dominar as finanças.

Isso vale para qualquer momento, mas quando a empresa acabou de nascer, essa premissa é ainda mais importante, porque é muito provável que você fique um bom tempo apenas arcando com despesas e pagando o empréstimo que precisou tomar para bancar o início das operações. Até começar a ter lucro, muito trabalho precisa ser feito.

Homem sabe o que é payback

Para calcular o payback, gestor precisa planejar o fluxo de caixa da empresa. Foto: iStock, Getty Images

O que é payback?

Payback é simplesmente o cálculo do tempo que um negócio vai levar até que o empreendedor supere o investimento inicial que teve para colocá-lo em ação.

Você já deve ter visto em ofertas de franquias informações como o investimento inicial total e o retorno do investimento. É exatamente isso: quanto tempo vai demorar para recuperar o dinheiro gasto.

Não há como calcular o payback sem estimar despesas e receitas, ou seja, planejar o fluxo de caixa. Para que você consiga entender melhor, vamos explicar o que acontece financeiramente em uma empresa padrão:

Primeiros meses ou anos

Salvo exceções, uma empresa que inicia do zero começa as suas operações dando prejuízo, afinal, já terá suas despesas fixas e variáveis. E como ainda não consolidou relacionamento com clientes, tem poucas receitas. É por isso que é necessário um bom capital de giro para cobrir os resultados negativos até que a curva vire.

Ponto de equilíbrio

Se bem administrada, pouco a pouco, a empresa começará a reduzir o prejuízo, até chegar ao ponto de equilíbrio, ou seja, quando as despesas se igualam às receitas. A partir daí, cada real a mais no balanço já pode ser considerado lucro.

Payback

Agora que a empresa já está dando lucro, você começa a se aproximar do retorno do investimento. Se você gastou R$ 100 mil para abrir a empresa e mantê-la em funcionamento até o ponto de equilíbrio, o payback será alcançado quando os lucros totalizarem R$ 100 mil. Depois disso, você já poderá dizer que a empreitada deu resultado.

Você vai se interessar por:

Como calcular o payback

Agora que você entendeu o que é payback, vamos descobrir como calculá-lo. Primeiro, faça o fluxo de caixa da empresa desde o seu início, mês a mês.

Crie uma planilha no Excel e insira, em uma linha, os valores. Na linha de baixo, o fluxo de caixa acumulado. Por exemplo, se você teve prejuízo de R$ 20 mil no primeiro mês, R$ 15 mil no segundo e R$ 10 mil no terceiro, o fluxo de caixa acumulado nos meses respectivos será de – R$ 20 mil, – R$ 35 mil e – R$ 45 mil.

Siga a tabela com a previsão de receita para os próximos meses. Na linha do caixa acumulado, você chegará em algum momento ao valor investido no início do negócio. Mas esse seria o payback simples. A dica dos especialistas é calcular o payback descontado. O que isso significa?

Aqueles R$ 100 mil que você gastou para iniciar a empresa poderiam ter sido aplicados em um investimento que rende 15% ao ano, por exemplo. Então, primeiro, use uma calculadora científica para calcular os juros compostos e saber quanto o dinheiro renderia com o passar do tempo.

Depois, faça uma regra de três e atualize o valor do resultado que a empresa teve. No exemplo anterior, se, em um ano, a companhia acabou com receita positiva de R$ 40 mil, o valor presente desse dinheiro seria de 34,79%, pois é proporcional aos R$ 115 mil que você teria se tivesse aplicado o valor investido.

Para montar uma tabela com o payback descontado, além das linhas com o fluxo de caixa, acrescente mais três, uma com o possível rendimento do dinheiro investido, outra com o valor proporcional do resultado do fluxo de caixa no período registrado e a terceira com o valor presente total líquido (o resultado acumulado atualizado). Para entender melhor, veja o exemplo abaixo:

Ano 0 Ano 1 Ano 2 Ano 3 Ano 4 Ano 5
Fluxo de caixa – 100 – 20 10 25 35 55
Acumulado – 100 – 120 – 110 – 85 – 50 5
Dinheiro aplicado 100 115 132,25 152,09 174,9 201,14
Valor presente do fluxo de caixa – 100 – 17,4 7,56 16,43 20 27,34
Valor presente líquido – 100 – 117,4 – 109,84 – 93,41 – 73,41 – 46,07

Na linha com os valores do fluxo de caixa acumulado, repare que no ano 5 a empresa já recuperou os R$ 100 mil investidos e teve R$ 5 mil a mais. Mas, considerando o custo de oportunidade, o valor presente líquido indicaria que a empreitada ainda não compensou. Para saber qual o payback descontado, basta seguir a tabela até que a última linha fique no positivo.

 

Agora que sabe o que é payback, vai aplicar o cálculo no seu negócio? Comente e compartilhe!

como montar uma empresa de cromagem
como lucrar vendendo bolo no pote
como lucrar na crise
lado bom da crise
como abrir uma microcervejaria
franquias baratas para investir em 2016