Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Um dia sem carro por semana: descubra se a economia vale a pena

A- A+

O orçamento aperta, e você se vê obrigado a reduzir custos para manter o equilíbrio financeiro. Nessa hora, o conforto de andar de carro diariamente talvez seja um dos alvos do corte de despesas. Mas você sabe exatamente quanto economizaria se ficasse um dia sem carro por semana?

Neste artigo, você vai aprender a calcular essa economia e vai entender que a opção de deixar o carro na garagem também pode ser benéfica para a cidade.

A economia de ficar um dia sem carro por semana

Para calcular quanto você economiza ao abrir mão do carro uma vez por semana, basta somar as despesas semanais e dividir por cinco. Deixando de lado o desgaste dos componentes do carro, que é difícil de mensurar, e o risco que você corre de se envolver em acidentes que tragam prejuízo financeiro, a principal economia será de combustível e de estacionamento.

Dia sem carro

Um dia sem carro favorece o seu bolso, a sua saúde e o meio ambiente. Foto: iStock, Getty Images

Assim, sua tarefa é identificar o consumo ao longo da semana. Há diversas maneiras de fazer isso, e a maioria dos carros mais novos conta com computadores de bordo que realizam o cálculo em tempo real. Se esse não for o caso do seu veículo, a dica é encher o tanque no início da semana, zerar o odômetro e abastecer novamente ao fim da semana. Assim, basta dividir a distância percorrida pelo número de litros abastecidos para descobrir o consumo do carro. Simplificando:

– Início da semana: tanque cheio e odômetro zerado

– Fim da semana: reabastecer e dividir a distância indicada no odômetro pelos litros.

Digamos que você se desloque quarenta quilômetros por dia, e o seu carro consiga rodar 12,5 quilômetros com um litro de gasolina na cidade. Para realizar o percurso, o veículo consome quatro litros, então basta multiplicar o valor do litro abastecido por quatro para descobrir o gasto diário. Tendo como base o preço médio padrão divulgado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, de R$ 3,68, o gasto seria de R$ 14,72 por dia.

Em um mês, um dia sem carro na semana significaria uma economia de R$ 58,88, e, em um ano, R$176,64. Significativo, não é mesmo? Depois, basta acrescer o valor que seria pago em estacionamento para descobrir a economia total.

Dia sem carro também favorece a cidade

Além de garantir um alívio para o orçamento, deixar o carro na garagem uma vez por semana também significa menos trânsito para a cidade. É claro que um carro, sozinho, não fará tanta diferença, mas e se essa atitude fosse adotada em larga escala?

Basta observar o tráfego das grandes capitais do país na época das férias para entender o potencial da ação: o trânsito flui melhor, as pessoas perdem menos tempo em deslocamento, o nível de estresse é reduzido e há mais vagas para estacionar. Aliás, se essa medida não tivesse um impacto real, a prefeitura de São Paulo não teria implementado um rodízio de placas durante a semana.

Por fim, vale lembrar que a fluidez do trânsito não é o único benefício para a cidade. Em outubro do ano passado, o Instituto Latino Americano de Desenvolvimento Econômico Sustentável (Ilades) apresentou um estudo realizado para a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam) de Porto Alegre, com dados que revelam a influência dos veículos de transporte individual nos índices de poluição. De acordo com o levantamento, carros e motos são responsáveis por 70% da poluição do Centro de Porto Alegre.  

A conclusão é simples: menos carros, mais saúde. E aí, tirou suas dúvidas sobre o impacto de ficar um dia sem carro? Então ajude a divulgar o artigo compartilhando o link com seus seguidores nas redes sociais. Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias.

Você vai se interessar por:

Dia Mundial Sem Carro gera alerta ambiental e financeiro sobre o transporte
Já pensou em viver sem carro? Aplicativos tornam isso possível
Placas de carros sem despachante: processo econômico, mas desgastante

Assistência em emergências

Ficar sem carro por um dia é uma medida saudável. Mas ficar a pé quando você precisa do automóvel, não. Então garantir segurança diante de imprevistos no trânsito? Com o Vivo Assistência Casa e Auto, você conta com serviços de eletricista e encanador para sua casa, socorro mecânico para seu automóvel e chaveiro para os dois, sempre que precisar, por apenas R$ 5,90 por mês.

> Vivo Assistência Casa e Auto: Garanta socorro mecânico em emergências
como escolher uma seguradora de veiculos
viagens econômicas pela Europa
como lidar com a avareza
economizar no seguro da casa
celular de 15 reais
investir em ação ou em renda fixa