Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Transferência bancária: um guia para não errar nesse processo

A- A+

Para quem não está acostumado a lidar com operações financeiras, uma simples transferência bancária entre duas contas pode parecer algo incrivelmente complicado. Qual é a melhor maneira de proceder? Preciso ir no banco para fazer isso? Quais são as taxas cobradas?

A confusão provavelmente existe porque há mais de uma forma de fazer uma transferência bancária. A escolha da modalidade vai depender da sua necessidade e, neste artigo, você confere dicas para esclarecer o assunto.

Homem realiza transferência bancária

Transferência pode ser realizada em terminais do banco e também pelo celular. Foto: iStock, Getty Images

Como fazer uma transferência bancária

Antes de qualquer coisa, você precisa ter em mãos os seguintes dados: CPF ou CNPJ da pessoa ou empresa que receberá o dinheiro, nome ou número do banco e número da agência do beneficiário e número da conta bancária.

Se a transferência for para uma conta do mesmo banco que o seu, você vai notar que não será necessário o CPF, mas para as demais modalidades, sim.

Agora, vamos às suas opções:

Depósito bancário

Tecnicamente, o depósito não é uma transferência, porque o dinheiro não está indo diretamente de uma conta a outra – ele é sacado e depois depositado. Mas o objetivo é o mesmo.

É possível depositar cheque ou dinheiro vivo, em um envelope a ser inserido em um caixa eletrônico ou, então, dentro do banco, durante o seu horário de funcionamento, com a desvantagem de encarar a fila. Se for depositado até às 16 horas, o dinheiro entra no mesmo dia na conta do beneficiário.

Transferência bancária

Ao contrário do depósito, a transferência faz o dinheiro ir diretamente de uma conta a outra. Você pode realizá-la presencialmente, no caixa do interior do banco, por telefone, pelo autoatendimento dos caixas eletrônicos, pelo internet banking ou mobile banking (aplicativo do banco). Há, basicamente, três modalidades:

  • Documento de Crédito (DOC): é uma transferência bancária feita para valores de até R$ 4.999,00. O dinheiro entra na conta um ou dois dias úteis após ser transferido.
  • Transferência Eletrônica Disponível (TED): nessa modalidade, é possível transferir de R$ 250,00 a R$ 30 mil (esse limite pode ser diferente de acordo com o cliente). Os valores entram na conta do beneficiário no mesmo dia, desde que a transferência seja feita até determinado horário (varia de banco para banco, mas, geralmente, é em torno das 17h).
  • Transferência eletrônica: quando o dinheiro deve ir para outra conta do mesmo banco e os valores caem no mesmo dia. Em alguns bancos, não há limites nem taxas nessa modalidade.

Quais são as taxas da transferência bancária

As taxas para as transferências ou depósitos variam de banco para banco, mas não há diferenças muito grandes entre um e outro. Quando uma transferência, seja ela DOC ou TED, é feita presencialmente, dentro do banco, essa taxa costuma ser de R$ 14 a R$ 16. Quando é feita pelo autoatendimento, internet banking ou aplicativo, cai para R$ 7 a R$ 9.

Quando um banco cobra por uma transferência bancária entre seus clientes, essa taxa é pequena, fica em torno de R$ 1. Depósitos, seja em cheque ou em dinheiro, são gratuitos, mas o barato pode sair caro, porque há a insegurança de carregar o dinheiro na rua.

Você vai se interessar por:

Tarifa bancária pode virar bônus

Quer mais vantagens? Transforme as tarifas em benefícios. Os valores mensais que você paga ao banco ou às operadoras de cartão de crédito podem ser convertidos em bônus de ligações. Com o Conta Bônus, em até 10 dias úteis após o débito da tarifa, o valor é revertido integralmente para você.

> Conta Bônus: Transforme tarifas bancárias e anuidade do cartão em bônus para o celular

Gosta de dicas financeiras? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

quando vale a pena comprar título de capitalização
como lucrar vendendo cachorro quente
como lucrar vendendo bolo no pote
como abrir uma franquia de alimentos
como abrir uma empresa de coleta de entulho
como se relacionar com as pessoas no ambiente de trabalho