Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Trabalhar como freelancer é vantajoso, mas exige muita disciplina

A- A+

Está cansado de perder boa parte do dia trancado em um escritório, pegando ônibus ou enfrentando o trânsito e batendo cartão? Trabalhar como freelancer pode ser a solução para a sua insatisfação. Você poderá cumprir seus próprios horários – desde que entregue o combinado com o cliente, é claro – e realizar suas tarefas onde quiser.

Um freelancer, ou frila, na gíria brasileira, é um profissional autônomo, que atende várias empresas de maneira independente, sem vínculo empregatício.

Esse tipo de trabalho é mais comum em profissionais da publicidade, design, jornalismo e programação, mas pode ser adotado em qualquer área, desde que haja permissão legal.

Mulher gosta de trabalhar como freelancer

Principal vantagem é a possibilidade de trabalhar a partir de qualquer lugar. Foto: iStock, Getty Images

Vantagens de trabalhar como freelancer

Até é possível trabalhar como freelancer na sede de uma empresa, mas essa não pode ser uma exigência do trabalhador, caso contrário, o vínculo empregatício pode ser caracterizado. Portanto, a maioria dos profissionais freelancers atua na sua própria casa, ou então em um espaço de coworking.

A vantagem mais evidente em trabalhar como freelancer é, portanto, usufruir do conforto e praticidade do lar. Mas há outros aspectos positivos. Confira:

Liberdade

Como muitas vezes o freelancer precisa apenas de um computador com acesso à internet, ele pode realizar suas tarefas de qualquer lugar. Além disso, começar e largar um trabalho é muito mais simples do que quando não envolve carteira assinada. Tudo isso proporciona um sentimento único de liberdade e autonomia.

Gestão do tempo

Geralmente, você terá entregas diárias ou semanais para fazer. Então, se quer assistir aquele filme que vai passar no meio da tarde, é só adiantar o serviço ou, então, compensar depois. Os horários são tão flexíveis quanto você quiser.

Despesas

Se você costumava ir trabalhar de carro, vai economizar um bom dinheiro com combustível. Além disso, poderá preparar as refeições em casa e precisará comprar e lavar menos roupas.

Rendimentos

Uma empresa que contrata os serviços de um freelancer gasta menos em impostos do que quando opta por um funcionário com carteira assinada. Assim, ela poderá pagar melhor. Se você for inteligente, conseguirá ganhar mais trabalhando por menos tempo.

Vida pessoal

Você terá um equilíbrio muito melhor entre a vida pessoal e profissional. Ao trabalhar como freelancer, provavelmente terá mais tempo para a família e amigos.

Você vai se interessar por:

Desvantagens de trabalhar como freelancer

Por enquanto, pintamos um quadro maravilhoso de como é a vida de um freelancer, mas precisamos ser sinceros: nem tudo é um mar de rosas.

O autônomo precisa lidar com a instabilidade. Pode ser que em um mês ganhe pouco e no outro recupere, mas não há garantias. Ele também não contará com os benefícios garantidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e precisará pagar o INSS por conta.

Definitivamente, não é para qualquer um. Além de gerenciar a falta de estabilidade, é necessário ter muita disciplina. Primeiro, para não se desconcentrar com as distrações do lar. Segundo, para correr atrás de novos trabalhos quando necessário. Por último, para não deixar atrasar nenhuma entrega, o que poderia significar o fim de um vínculo com um contratante.

Muitos freelancers que estão começando trabalham ainda mais do que se estivessem em um escritório. Até você aumentar o valor recebido por hora na média, pode demorar algum tempo. O fundamental é ganhar experiência, não só para encontrar as oportunidades, mas também para executá-las. Então, capacite-se.

 

Esse artigo lhe fez lembrar de alguém? Compartilhe!

Benefícios que o desempregado tem direito
Avaliando a antecipação do 13º salário nas férias
Apostando em ideias de negócios fáceis
Para ele vender as férias vale a pena
Saque do abono salarial 2016
Ela sabe como montar um negócio de bolsas