Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Tire suas dúvidas sobre o cadastro positivo e saiba como se beneficiar

A- A+

Todo mundo já ouviu falar de negativado. Mas você sabe o que é o cadastro positivo? O cadastro é um banco de dados com informações de consumidores que têm histórico favorável de pagamento.

O cadastro positivo é mantido por instituições de crédito, como Serasa e SPC, que também atualizam o cadastro de inadimplentes. Até 2013, os consumidores podiam abrir seu cadastro positivo somente por meio dessas instituições, mas desde então, bancos e agências financeiras também podem oferecer essa possibilidade aos seus clientes, se eles autorizarem.

O cadastro, que é voluntário, consiste numa espécie de histórico de pagamentos do consumidor, que pode beneficiar os “bons pagadores” com diversas vantagens.

cadastro-positivo

Cadastro pode ajudar bons pagadores a conseguirem melhores condições de financiamento. Foto: iStock, by Getty Images

Taxas de juros menores e prazos maiores em empréstimos e financiamentos são algumas das vantagens aos consumidores com bom histórico no cadastro positivo. As empresas podem saber quais obrigações um cliente em potencial tem e se os pagamentos estão em dia.

São desde crediários e financiamentos até contas de luz, água e telefonia. Em caso de inadimplência, o nome do consumidor não sai do cadastro positivo, embora seu CPF possa ser inscrito em cadastros de inadimplentes para aquela dívida em particular.

Quais as vantagens de fazer o cadastro positivo?

O cadastro positivo oferece um quadro detalhado de seu comportamento financeiro para bancos e lojas. Assim, as possibilidades de negociação são ampliadas. Você pode conseguir prazos maiores para determinados pagamentos ou taxas de juros menores. Profissionais autônomos, que têm renda irregular e enfrentam dificuldades para comprovar renda na hora de aprovar um financiamento, também podem se beneficiar do cadastro positivo para atestar sua reputação de bom pagador.

Como faço para me cadastrar?

Instituições de crédito oferecem três maneiras de fazer o cadastro positivo: pelo próprio site, com certificado digital; diretamente na agência ou pelo correio. Você deve informar seus dados pessoais, como CPF, nome da mãe, etc. Uma vez cadastrado, seus dados permanecem no sistema por 15 anos. Você pode pedir para sair do cadastro a qualquer momento.

Quais informações ficam disponíveis no cadastro positivo?

Ficam no histórico dados financeiros e de pagamentos relativos às operações de crédito e obrigações de pagamento, como a data da concessão do crédito, o valor do crédito concedido, os valores devidos das prestações ou obrigações, indicadas as datas de vencimento e de pagamento, os valores pagos, mesmo que parciais, das prestações ou obrigações, indicadas as datas de pagamento.

Posso contestar as informações do cadastro positivo, caso haja um erro?

Você pode contestar as informações apresentando documentos que provem seus argumentos ao banco de dados. O prazo é de sete dias corridos para aceitar a contestação e mudar o que estiver errado. É o mesmo procedimento para os registros de inadimplência.

Posso me cadastrar mesmo estando negativado?

Pode. Suas contas pagas em dia ficarão no cadastro positivo e poderão ser consideradas pelas empresas que consultarem seu histórico.

Monitore o seu CPF

Para ajudar a identificar fraudes envolvendo seu CPF, um recurso oferecido pela Vivo em parceria com a Serasa Experian envolve monitoramento e alertas relacionados a movimentações do seu documento. O  serviço inovador que permite que você receba notificações via SMS sempre que:

  • Ocorrer uma alteração no status de seu CPF nas bases de dados da Serasa Experian
  • Uma empresa consultar seu nome nas bases de dados da Serasa Experian
  • Uma empresa estiver prestes a negativar o seu nome nas bases de dados da Serasa Experian.
> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Gostou das dicas sobre cadastro positivo? Deixe um comentário.

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças