Vivo
 

Teste: Será que chegou a hora de fazer pós graduação?

A- A+

Se você tem curso superior completo, pode se considerar um privilegiado. De acordo com o mais recente Censo Demográfico do IBGE, de 2010, apenas 11,3% da população adulta brasileira concluiu a faculdade. Mas será que tal formação é suficiente para garantir uma carreira bem sucedida? Fazer pós graduação é alternativa para quem deseja continuar estudando e quer oferecer uma especialização para se diferenciar no mercado de trabalho.

Jovem vai fazer pós graduação

Decisão de voltar para a universidade exige análise criteriosa dos graduados. Foto: iStock, Getty Images

A decisão de investir em uma pós graduação deve levar em conta uma série de critérios. Da qualidade do curso ao valor das mensalidades, você precisa elencar e comparar todos os fatores, a fim de encontrar a opção com o melhor custo-benefício.

O primeiro passo é definir em qual área você irá se especializar. Para isso, leve em conta suas predileções acadêmicas (aquilo que gostaria de estudar), a área de trabalho em que atua (o que está mais relacionado à profissão que você exerce) e a realidade do mercado (qual área apresenta o maior déficit de profissionais qualificados).

Analisando cada um desses critérios de forma separada, você consegue chegar a uma conclusão a respeito da área em que irá fazer pós graduação. Em seguida, é necessário verificar a disponibilidade do curso, descobrindo quais faculdades da sua região o oferecem.

Por fim, será necessário pesar a qualidade e a tradição dos cursos de pós graduação com o valor das mensalidades, para descobrir se o investimento compensa financeiramente no médio e longo prazo.

Mas todas essas dicas são válidas especialmente se você já decidiu fazer pós graduação. Caso esteja em dúvida se chegou mesmo a sua hora de voltar para os bancos escolares, faça o teste que o Vivo Seu Dinheiro preparou para você e descubra.

Mulher feliz com sua estabilidade financeira
teste
Mercado de rua é espaço de negociação