Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Taxa Selic: o que é a taxa de juros e como influencia sua vida

A- A+

Não tem escapatória: uma vez a cada 45 dias o noticiário em todas as mídias é invadido com informações sobre a taxa Selic. É compreensível, já que é nesse intervalo de tempo que os representantes do Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) se reúnem para definir o valor da taxa básica de juros que vai orientar os rumos da economia brasileira. Em outras palavras, a Selic é importante pois serve como referência para as demais taxas cobradas no dia a dia.

O Brasil é conhecido pelas suas altas taxas de juros e está presente há muitos anos nos primeiros lugares do ranking de países com as maiores taxas reais de juros (calculada a partir da taxa Selic, descontando a inflação). Por isso, saber o valor da taxa básica é bom para poder ter um parâmetro sobre a situação da economia no país e dos rumos que o governo quer dar a ela.

taxa-selic

A taxa pode ser sentida diariamente. Foto: iStock, by Getty Images

Efeito da taxa Selic no dia a dia

O início de 2015 foi marcado por duas altas seguidas na taxa Selic, o que indica um cenário cauteloso.

“O cenário atual é um dos mais desafiadores para a política econômica, pois combina ausência de crescimento com inflação em alta”, comenta o professor de macroeconomia da Universidade Mackenzie, Pedro Raffy Vartania.

Por ser um referencial de mercado, a oscilação da taxa Selic pode ser sentida na vida diária. Apesar de não ser a única taxa avaliada pelas instituições, a Selic tem forte influência na definição dos juros de produtos bancários, como o cheque especial da conta corrente, o cartão de crédito e os empréstimos. Se o Copom aumenta o valor da Selic, é provável que no curto ou médio prazo a alta atinja o consumidor e provoque reações como o aumento da inadimplência, uma vez que todas as dívidas ficam mais caras.

Maior remuneração dos investimentos

Por outro lado, o aumento na taxa Selic também indica uma maior remuneração de alguns investimentos. Produtos como fundos DI, CDBs e títulos públicos têm o pagamento de juros definidos pela taxa.

A poupança também usa a taxa Selic como referência. De acordo com norma que entrou em vigor em 2013, a caderneta rende 70% da taxa Selic mais a Taxa Referencial (TR) quando a Selic é menor ou igual a 8,5% ao ano. Quando a taxa é superior aos 8,5%, o investimento remunera sempre 0,5% ao mês mais a TR.

Vivo Alerta CPF

Imagine um serviço que te alerta cada vez que houver consultas ou movimentações em seu CPF? Entre as funções do Vivo Alerta CPF está o envio de um SMS ao cliente toda vez que ocorrer uma alteração no status do seu nome nas bases de dados da Serasa Experian, também toda vez que uma empresa consultar o nome do cliente nas bases de dados da Serasa e ainda quando o seu nome estiver prestes a ser negativado.

Além disso, o cliente recebe exclusivas dicas anti-fraude e pode visualizar o relatório completo sobre o seu CPF.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Gostou das dicas sobre a Taxa Selic? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças