Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Seguro da casa é opção para proteger patrimônio

A- A+

Você já pensou em fazer um seguro da casa? Se não, saiba que você não está sozinho, embora o instrumento seja de grande importância. Afinal, essa é uma maneira de proteger o seu patrimônio que pode custar menos do que você imagina.

Segundo Mauro Barboza Aguiar, responsável técnico da Santo M Corretora de Seguros, nem todos sabem que o seguro da casa costuma sair bem mais em conta do que o do carro. “Para cada 10 clientes que fazem seguro de automóvel, apenas três fazem seguro da casa”, destaca

A baixa adesão, no entanto, não se justifica pelo preço. “O seguro da casa custa em média 1/4 do seguro do automóvel”, afirma Aguiar. Apesar de pagar menos pela proteção, o valor segurado da residência é maior: em torno de cinco vezes mais que o de um veículo médio. “Isso só levando em conta a cobertura para incêndio”, completa.

Apesar de ainda ser pouco procurado, esse tipo de proteção está em evidência: a sua contratação aumentou em 20% em 2014.

seguro-da-casa

Contratar seguro é forma inteligente de proteger bens importantes. Foto: iStock, Getty Images

Por que o seguro da casa é mais barato?

A lógica é simples: estatisticamente, por mais cuidadoso que você seja, as chances de ocorrer um sinistro com o automóvel é proporcionalmente muito maior do que com um imóvel. Em qualquer deslocamento, você pode bater ou ser atingido por outro carro, e pode ter o veículo arrombado ou até mesmo roubado durante uma parada rápida.

Em relação a residências, ainda que o valor do bem costume ser muito mais alto, os gastos com as coberturas são menores, pois os eventos não costumam envolver grandes prejuízos (salvo casos de incêndio ou desastres naturais, por exemplo, mas esses são mais raros do que os incidentes automobilísticos ou pequenos furtos residenciais). Por isso, o seguro da casa é mais barato.

Seguro da casa protege seu bem maior

O que pouca gente se dá conta, segundo o especialista, é da importância de se ter uma proteção para o local em que se vive. Ele lembra que o seguro da casa cobre o bem material mais importante que uma pessoa possui.

“Costumamos dizer que, em caso de perda total de automóvel, a sua vida não para, mas pense em perder a sua casa em um incêndio. Além de, financeiramente, a maioria das pessoas não ter um valor a curto prazo para a reconstrução, o transtorno que vai causar é imensurável”, aponta Aguiar.

Ao se contratar o seguro da casa, pode-se optar por alguns benefícios extras, o que faz o valor pago pela proteção valer ainda mais a pena. Conforme Aguiar, se levar em conta as demais coberturas, como danos elétricos, vendaval, roubo, responsabilidade civil, cobertura de vidros e assistência 24h, é o seguro com o melhor custo-benefício do mercado.

Fatores que incidem no valor

Para o cálculo do seguro da casa, geralmente são consideradas informações como a localização (qual o bairro? é condomínio fechado ou casa de rua? tem segurança na rua?) e se a residência possui sistemas de segurança, como alarme e cerca elétrica, por exemplo.

Após todos os levantamentos necessários, define-se o valor, que costuma, normalmente, custar menos de 1% do valor do imóvel.

Antes de fazer o seguro da casa, contudo, não se esqueça de verificar junto à Superintendência de Seguros Privados, a Susep, se a empresa que você pretende contratar tem permissão para vender esse tipo de produto. Caso contrário, seu prejuízo começará antes mesmo que ocorra um sinistro envolvendo o seu bem.

Preserve o seu patrimônio

Em parceria com a ACE Seguradora, a Vivo oferece o serviço Seguro Proteção Residencial. Com ele, você tem acesso a coberturas contra incêndio, raio e explosão, roubo e furto qualificado de bens, danos elétricos e responsabilidade civil familiar. Você ainda pode contar com a comodidade e segurança de pagar seu seguro mensalmente através de sua fatura de celular Vivo.

> Seguros para seus bens: Proteção da sua casa até sua bolsa, mochila e carteira

Gostou das dicas para contratar um seguro da casa? Deixe um comentário.

É importante entender de finanças bem antes de sair de casa.
quanto custa um seguro de vida
almofadas para sofá
como escolher uma seguradora de veiculos
como lidar com a avareza
como abrir uma empreiteira