Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Sebrae Canvas: ferramenta ajuda a criar modelo de negócio

A- A+

Para visualizar com mais clareza o potencial de sucesso de uma empreitada, deve ser possível resumir todo o seu funcionamento em tópicos, divididos em nove categorias. Essa é a ideia do Business Model Canvas, que pode ser desenvolvido através do Sebrae Canvas, aplicação do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) disponível para tablet e desktop.

O que é modelo de negócio?

Muita gente confunde plano de negócios com modelo de negócio. Enquanto o primeiro é um documento com dezenas de páginas que descreve em detalhes o público, estrutura, produto e estratégias de comunicação da empresa, o segundo se refere a uma descrição mais curta sobre como a empresa cria valor e gera receita.

A ideia de criar uma tela padrão para descrever o modelo de negócio de uma empresa foi desenvolvida por Alexander Osterwalder, um consultor e empreendedor suíço.

A técnica do Business Model Canvas tem como objetivo ser uma ferramenta de gestão e empreendedorismo, que permite descrever e visualizar mais facilmente o modelo de negócio, seja na sua criação ou reinvenção.

Mulher usa o Sebrae Canvas

Ferramenta dá ao empreendedor maior maleabilidade no modelo de negócio. Foto: iStock, Getty Images

Sebrae Canvas ajuda a criar modelo de negócio

É possível pegar uma folha e uma caneta e desenvolver o modelo de negócio à mão, mas há soluções que tornam isso mais fácil, e uma delas é o Sebrae Canvas. Você acessa o site, cria um login e tem acesso a uma ferramenta interativa, que permite entrar em contato com outros usuários e compartilhar o seu modelo, para trocar conhecimentos e opiniões.

Entre as principais novidades do Sebrae Canvas, está a possibilidade de criar e personalizar quantos post-its você desejar, arrastá-los e reorganizá-los facilmente dentro da tela e avaliar, comentar e compartilhar os modelos da sua rede.

Sebrae Canvas

Entenda as categorias do Business Model Canvas

Como falamos no início do texto, há nove categorias de informações que devem ser preenchidas em um modelo de negócio. Se você está pensando em abrir uma empresa mas não faz ideia do que vai em uma delas, é porque a ideia ainda não amadureceu o suficiente, pois as categorias são comuns a qualquer tipo de negócio. Entenda melhor:

  • Parcerias chave: liste, aqui, os fornecedores e parceiros necessários para que a operação da sua ideia seja possível.
  • Atividades chave: quais são as ações que você e sua equipe terão de realizar para produzir os produtos ou serviços a serem comercializados?
  • Proposta de valor: o valor, aqui, não corresponde ao preço, mas sim no motivo pelo qual os clientes vão comprar de você e não da concorrência.
  • Relação com o cliente: defina, nesse item, o que e como você vai fazer para manter uma boa relação com os seus clientes, para fidelizá-los.
  • Segmentos de mercado: aqui, você definirá qual o público que você quer conquistar, ou seja, quem são os clientes que sua empresa vai atender.
  • Recursos chave: responda aqui quais são os recursos necessários para a operação, ou seja, para criar a sua proposta de valor e desenvolver o seu produto ou serviço.
  • Canais: os canais são os meios pelos quais os produtos ou serviços comercializados vão chegar até o cliente.
  • Estrutura de custos: todos os custos e despesas para colocar o negócio em operação.
  • Fontes de renda: defina, aqui, como será a entrada de dinheiro, ou seja, de que maneira você será remunerado pelo serviço ou produto (venda direta, comissão, aluguel?).

Você vai se interessar por:

Esse artigo sobre o Sebrae Canvas lhe fez lembrar de alguém? Compartilhe!

como montar uma empresa de cromagem
como lucrar vendendo bolo no pote
como lucrar na crise
lado bom da crise
como abrir uma microcervejaria
Prós e contras de trabalhar na empresa da família