Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Scam, phishing e spam: como driblar ameaças virtuais

A- A+

Você já ouviu falar sobre scam, phishing e spam? Essas três palavras de origem inglesa são consideradas, ao lado dos malwares, as ameças virtuais mais comuns atualmente.

Para se ter uma ideia, em 2012, elas infectaram juntas quase um terço (32%) dos computadores no mundo, segundo levantamento da PandaLabs, empresa ligada à segurança informática.

Para não cair nesses golpes, é preciso mais do que manter o seu antivírus atualizado, o que pode não ser suficiente. Conheça um pouco sobre essas ameaças virtuais e saiba como se prevenir delas.

Ameças virtuais preocupam quem trabalha com computador.

Mantenha o antivírus atualizado e esteja atento ao conteúdo das mensagens. Foto: iStock, Getty Images

3 das principais ameaças virtuais

Scam

O scam é uma das táticas usadas por fraudadores para tentar capturar dados confidenciais. Eles enviam a você um e-mail com algum tipo de promoção falsa, como sorteios, prêmios e brindes, por exemplo. Para dar credibilidade às mensagens, utilizam a imagens e fontes de empresas idôneas, numa tentativa de imitar um comunicado oficial.

Phishing

O phishing é uma espécie de continuação do scam. Normalmente, esses e-mails falsos são acompanhados por link ou por programas espiões anexos à mensagem. Assim, quando você clica neles, é direcionado para um site falso, muito similar ao oficial. Nesse momento, é que se caracteriza o golpe.

A página falsa tem layout e endereço virtual parecidos com site verdadeiro. Devido à semelhança, muitas vezes são fornecidos dados confidenciais sem que se perceba – e é isso que os fraudadores mais querem.

Spam

Essa talvez seja a mais conhecida das ameaças virtuais. O termo spam se refere aos e-mails enviados para seu endereço sem sua a autorização. Costumam ser direcionados indiscriminadamente a milhares de pessoas ao mesmo tempo.

Entre as suas principais consequências, está o não recebimento de mensagem importantes por falta de espaço na caixa de entrada e o acúmulo de mensagens desinteressantes e não solicitadas.

6 dicas para prevenir ameaças virtuais

Agora que você conhece as principais ameaças virtuais, chegou a hora de se prevenir. Confira seis dicas de segurança do presidente do Instituto Brasileiro de Direito Digital (IBDDIG), Frederico Ceroy:

  1. Os acessos gratuitos à internet devem ser usados com cautela, e mesmo assim, deve-se evitar sites e aplicativos de bancos, por exemplo.
  2. Já conectado à internet, o mais importante é ter cuidado ao acessar novos sites e ao digitar informações pessoais.
  3. Em relação ao phishing, scam e spam, o importante é não abrir e-mails desconhecidos.
  4. Em um segundo momento, marque-os para evitar a proliferação do incômodo.
  5. Nunca acesse um site por meio de links contidos em e-mails. Sempre digite na barra de endereços o site que deseja acessar.
  6. Mantenha sempre o seu antivírus ativo e atualizado.

Você vai se interessar por:

Mensagem para celular vinda do banco: confiar ou não, eis a questão

Acesso ao internet banking exige atenção aos riscos

Spam, scam e phishing: saiba como se prevenir de mensagens falsas

Proteja seus computadores

Se você ainda não sente protegido contra as ameaças virtuais, tenha calma. Usuários que possuem pouca intimidade com a tecnologia ou gostam da segurança de um suporte técnico sempre disponível podem contratar serviços de especialistas.

Com o Vivo Suporte à Informática, você pode tirar dúvidas e receber auxílio em instalações, configurações e o que mais precisar, 24 horas por dia. Além do apoio técnico, garante a segurança do computador com o programa completo de proteção McAfee.

> Suporte informática: Resolva problemas de seu computador

Você tem uma boa dica? Deixe seu comentário.

Aprenda como saber se meu CPF está sendo usado por alguém
Mulher realiza limpeza no computador
Uso doméstico de impressora
Homem usa o Surface Book
Como usar o notebook na tomada
Antes de fechar uma compra, compare preços e modelos de impressora. Foto: Shutterstock