Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Santander anuncia aporte especial para o mercado de franquias

A- A+

Está com planos de empreender no mercado de franquias? Ou já iniciou o próprio negócio, mas acredita que esse seja o momento de expandir, usando o sistema de franchising como gatilho para esse crescimento? Então, aí vai a boa notícia: o Banco Santander anunciou recentemente um investimento de R$ 1 bilhão para esse setor no Brasil.

O banco está determinado a ser reconhecido como o principal na área de fomento ao modelo de franquias, com a criação de um núcleo de profissionais dedicados a atender franqueadores e clientes franqueados. O plano da instituição financeira é dobrar sua estrutura focada neste mercado até 2017.

Através desta iniciativa, o Santander tem a estratégia de reforçar sua carteira de programas voltados às franquias. O banco já possui outras modalidades de apoio a esse mercado, como Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe) que atende clientes de menor porte, com faturamento de até R$ 3,6 milhões por ano.

Mulher investe no mercado de franquias

Com boa estratégia, franquia pode ser opção a iniciantes no empreendedorismo. Foto: iStock, Getty Images

Modalidades de apoio às franquias

No seu site oficial, o banco lista diversas linhas de apoio para empresários que querem entrar no modelo de franquias e ajustar suas finanças e serviços para isso.

Outro produto destacado pelo banco é a Conta Integrada, que une benefícios da conta corrente ao uso da maquininhas de pagamento via cartão – por isso, também está na lista de produtos que o banco disponibiliza no apoio a franqueados.

Com essa opção, é possível ter descontos no aluguel das maquininhas, assim como linhas de crédito especiais ou taxas personalizadas nas transações feitas via cartão.

A integração entre meios de pagamento também pode ser feita em tablets ou smartphones, caso seja um modelo de franquia que não utiliza pontos comerciais fixos. Um exemplo são os food trucks ou carrinhos de venda de produtos cosméticos.

De acordo com Ede Viani, diretor de Empresas e Instituições do Santander, o banco decidiu pelas medidas de fomento ao empreendedorismo por franquias, pois o país necessita de um segmento de pequenos e microempreendedores robusto, impulsionando o crescimento econômico e social. “O reforço da nossa atuação no mercado de franquias mostra, mais uma vez, que estamos comprometidos com essa meta”, afirma Viani.

E como vai o mercado de franquias?

Apesar do momento complicado da economia nacional, dados da Associação Brasileira de Franchising apontam que o mercado de franquias progrediu em 2015, com um crescimento estimado entre 9% a 10%, com um faturamento aproximado de R$ 400 bilhões.

Os últimos dados consolidados, do primeiro semestre de 2015, são ainda mais positivos, com um registro de avanço de 11,2% nesse mercado.

Caso você esteja buscando uma oportunidade para empreender pelo modelo de franquias, a própria entidade indica algumas opções de baixo investimento inicial, com valores que vão de R$ 10.000 a R$ 30.000 e retorno financeiro entre dois e 12 meses.

Segundo o Portal do Franchising, há oportunidades acessíveis em todos os setores, incluindo serviços para automóveis, publicidade, cosméticos, educação e manutenção de imóveis.

Você vai se interessar por:

E você, pretende investir no mercado de franquias? Deixe seu comentário!

como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria
como montar uma empresa de cromagem
como montar uma empresa de churros
como lucrar vendendo bolo no pote
como lucrar na crise