Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Saiba quando vale a pena pagar as contas no cartão

A- A+

Quer acumular pontos em programas de recompensa e, para isso, prefere pagar as contas da casa no cartão de crédito? O quanto isso é vantajoso depende da forma como o pagamento é efetuado. Por isso, vamos descobrir agora quando essa prática vale a pena.

Tarifas cobradas nas contas

O primeiro item a ser avaliado antes de decidir pagar as contas da casa no cartão é a tarifa bancária. Conforme levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), nos bancos com maior número de clientes – Banco do Brasil, Bradesco, Caixa, HSBC, Itaú e Santander – a tarifa varia de R$ 3 a R$ 16.

contas

Muitas pessoas pagam contas com cartão de crédito para obter pontos e milhas. Foto: iStock, Getty Images.

 

Valor das contas influencia decisão

Como o saldo da sua fatura traz o valor da tarifa somado ao total de suas compras no cartão, é importante analisar o que o vale a pena. Para Ione Amorim, economista do Idec, se a intenção é não atrasar contas de valores baixos, o cartão pode não ser a melhor escolha. “Se as tarifas de multa e juros forem menores que as tarifas do cartão, não é uma boa ideia”, avalia.

Antes de mais nada, é preciso saber quais são as tarifas cobradas pelo seu banco. Já no caso de valores mais altos – sobre os quais os juros serão maiores, vale lembrar – o pagamento no cartão pode ser uma boa alternativa.

Entenda os programas de recompensa

Se você é aquele consumidor que quer acumular pontos nos programas de recompensa e para isso coloca todas as contas no cartão, tome cuidado. Os programas podem ser, sim, vantajosos, mas é preciso saber como o resgate dos pontos funciona.

Pontuação para passagens aéreas, eletroeletrônicos, utilidades domésticas, viagens e até locação de carro estão entre os itens mais almejados pelos clientes. De acordo com Maria Inês Dolci, coordenadora institucional da associação de consumidores PROTESTE, é interessante investir na pontuação quando não se vai gastar mais do que deveria apenas para cumular pontos.

Na maioria dos bancos, o equivalente a US$ 1 gasto é convertido em um ponto. Já nos cartões destinados a pessoas com poder aquisitivo maior, a conversão é mais lucrativa: até 3 pontos para cada US$ 1 em compras.

Se você está à caça de pontos para uma passagem aérea que custa, por exemplo, 12 mil pontos, e considerando a cotação do dólar na casa dos R$ 3, seria necessário gastar R$ 36 mil para atingir a pontuação. Levando em conta os valores pagos em tarifas, pode ser mais vantajoso encontrar uma promoção de passagens ao longo do ano.

Vantagem nos atrasos

Agora, se o seu objetivo é não atrasar as contas, evitar o corte no fornecimento do serviço e manter seu nome limpo, é melhor não pensar duas vezes antes de pagar no cartão. Se a sua conta já está atrasada, pode valer ainda mais a pena. Após alguns dias do vencimento é comum os credores oferecerem bons descontos para a quitação da dívida, inclusive no cartão.

Atualmente, grande parte dos bancos disponibiliza o serviço de pagamento no cartão como uma comodidade ao cliente, reunindo todas as despesas na mesma fatura e oferecendo até 40 dias para pagar. Cabe calcular a sua necessidade e saber se o preço desse conforto compensa.

Cartões de crédito com mais benefícios

Com os Cartões de Crédito Vivo há ainda mais benefícios para o cliente. Os cartões de crédito Vivo Santander e Vivo Itaucard 2.0 têm diversas vantagens, como pontos no Vivo Valoriza, descontos nos ingressos de cinema e parcelamento em até 12 vezes sem juros nas Lojas Vivo.

> Cartões de Crédito Vivo: Conheça as vantagens

Se você gostou das dicas para pagar contas no cartão de crédito, compartilhe!

Empréstimo ou financiamento
melhores universidades do brasil
quando vale a pena ter cartão de credito
não consigo pegar empréstimo
juros cobrados no cartão de crédito
como cancelar pedido feito no cartão de crédito