Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Saiba como recorrer às empresas que compram dívidas

A- A+

A angústia de quem tem dívidas às vezes atrapalha na hora de tomar decisões para sair do vermelho. É o seu caso? Acalme-se, pois recorrer às empresas que compram dívidas pode ser alternativa para resolver a situação. Mas você deve ter cuidados para não aumentar ainda mais seus débitos.

Pessoas decidindo escolhendo entre as empresas que compram dívidas.

Instituição procurada para a portabilidade da dívida é obrigada a acatar o pedido. Foto: Shutterstock

Empresas que compram dívidas: como funciona

A chamada portabilidade, aprovada no Brasil em 2006, consiste em transferir encargos para outra entidade financeira que cobre uma taxa de juros inferior à de origem.

Mas essa não deve ser a opção inicial para quem está no vermelho. “Vale lembrar que sempre existe a opção de renegociar a dívida com o primeiro credor, antes de portá-la para outra instituição”, destaca educador e coach financeiro Silvio Bianchi.

Caso seja essa a sua escolha, quando você definir que irá migrar seu passivo, peça para a entidade onde está o débito inicial uma carta com todas as informações sobre o saldo devedor. Veja as informações que as instituições financeiras devem fornecer em até um dia útil:

  • Número do contrato
  • Saldo devedor atualizado
  • Demonstrativo da evolução do saldo devedor
  • Modalidade
  • Taxa de juros anual, nominal e efetiva
  • Prazo total e remanescente
  • Sistema de pagamento
  • Valor de cada prestação, especificando o valor do principal e dos encargos
  • Data do último vencimento da operação.

Atenção à inadimplência

Para manter o crédito, é preciso honrar as prestações. Portanto, se você deixar de pagar, o benefício de ter conseguido uma taxa de juros menor será em vão. “Existirão multas e mais juros que anularão qualquer vantagem alcançada”, adverte Bianchi.

Instruções do Banco Central apontam que, uma vez encontrada uma instituição interessada em receber sua operação, a entidade com a qual você já tem contrato é obrigada a acatar seu pedido. Havendo recusa, procure a proponente (ofertante do novo crédito) para saber os motivos da não efetivação.

Para evitar novos problemas, antes de qualquer renegociação, é preciso conhecer a sua capacidade de pagamento. Então, tome ciência das seguintes informações:

– Quanto você ganha líquido?

– Em que você gasta seu dinheiro ao longo do mês?

– Identifique despesas desnecessárias que podem ser eliminadas e despesas supérfluas que podem ser reduzidas (ou eliminadas)

– Faça um orçamento mensal priorizando o pagamento desta dívida.

– Considere que a conta Ganhos Líquidos – Parcela de Dívidas – Despesas = resultado positivo!

– Se o resultado for negativo, reorganize as contas para sobrar dinheiro. E aí renegocie ou recorra às empresas que compram dívidas.

Cautela nunca é demais

Silvio Bianchi faz alguns alertas importantes para quem deseja sair do vermelho. Confira:

– Conheça a entidade financeira para a qual você pretende migrar o seu déficit

– Não aceite penalidades (suspensão do cartão de crédito, cancelamento do cheque especial, aumento na tarifa da conta corrente) por parte da instituição da qual você está levando o crédito

– Não aceite nenhuma proposta com relação à compra de outros serviços quando você fizer a portabilidade. O mercado considera venda casada

– O cancelamento da dívida não deve ser feito pelo devedor. A instituição que receberá o passivo é responsável por formalizar o término do contrato ao quitá-lo

– Não pague IOF pela transação. Mas atenção: há uma exceção. Se você solicitar um aumento do crédito, o imposto deverá ser cobrado apenas sobre o incremento.

Você vai se interessar por:

Seu nome protegido

Se você convive com dívidas, precisa conhecer o Vivo Alerta CPF. Entre as suas funções, está o envio de um SMS ao cliente toda vez que ocorrer uma alteração no status do seu nome nas bases de dados da Serasa Experian, toda vez que uma empresa consultar o nome do cliente nessa base de dados e ainda quando o seu nome estiver prestes a ser negativado.

Além disso, o cliente recebe exclusivas dicas antifraude e pode visualizar o relatório completo sobre o seu CPF.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Você tem uma boa dica para recorrer a empresas que compram dívidas? Comente!

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças