Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Saiba como montar um pet shop

A- A+

Gostar de animais é o primeiro passo para quem quer trabalhar nessa área, mas não é suficiente. Para aprender como montar um pet shop, o seu planejamento deve incluir comprar os equipamentos certos, manipular produtos e medicamentos, ter formação para lidar com os bichos e também alguma noção de mercado. Afinal, o investimento é alto e o retorno deve ser proporcional. Está pronto para o desafio?

Como montar um pet shop

Banho e tosa devem ser realizados por profissionais com conhecimento técnico. Foto: iStock, Getty Images

Como montar um pet shop

Segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) não há como montar um pet shop sem pensar em quatro elementos básicos principais: a localização, as exigências legais e específicas, a estrutura do estabelecimento e a qualificação do pessoal contratado para trabalhar. Sem eles, o negócio não suprirá as necessidades dos clientes e nem respeitará a legislação.

O local onde a loja será instalada deve ser de fácil acesso aos clientes e também ter vagas de estacionamento, já que eles precisam descer de seus veículos para entregar os animais aos funcionários.

A região deve dispôr de estrutura de água e luz resistente e com baixa taxa de falhas, além de um recolhimento de lixo diário e facilidade para o atendimento de serviços de emergência.

Para quem busca montar um pet shop bem sucedido, é importante ter conhecimento das obrigações legais e entrar em contato com alguns órgãos. Na Prefeitura Municipal, por exemplo, é preciso saber se a atividade é permitida no local que você escolheu. No cartório e no INPI, vale registrar o nome e a marca da empresa, verificando se não há outras iguais no país.

Também é preciso fazer contrato social no cartório, solicitar CNPJ à Receita Federal e inscrição estadual à Receita Estadual, matricular-se no INSS, conseguir um Alvará de Licença e Registro na Secretaria da Fazenda, registrar-se no Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado e assinar um contrato de Responsabilidade Técnica.

Ainda é preciso estar atento a algumas leis específicas da área, como resoluções do Conselho Federal de Medicina Veterinária, decretos da Presidência da República e da Vigilância Sanitária.

Como estruturar seu pet shop

Depois de vencida a etapa anterior, é hora de pensar na estrutura. É preciso ter armários, balanças, carrinho curativo, doppler vascular, estetoscópio, foco de luz, maca, microscópio, negatoscópio, suporte de soro e ultrassom para tártaro.

Se você for montar um pet shop com serviço de banho nos animais, deve ter secador, soprador, máquina de tosa, lâminas de tosa, adaptador, banheira, canil e caixas de transporte dos pets. Ainda deve contar com desembolador, rasqueadeiras, tesoura reta, tesoura curva, alicates, pentes de aço, pó de ouvido, shampoos, colônias e adereços.

Também não há como montar um pet shop sem ter funcionários. Para pôr o negócio em prática, você deve contar com um veterinário como responsável técnico, um administrador, um balconista e um tosador. Todos eles, além de formação e experiência, devem ter autocontrole, imunidade à visão de sangue ou de ferimentos, boa apresentação pessoal e personalidade calma.

Você vai se interessar por:

 

Aprendeu como montar um pet shop? Compartilhe as dicas!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria