Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Saiba como funciona o programa Bolsa Família e tire suas dúvidas

A- A+

Você, certamente, já ouviu falar do programa Bolsa Família, projeto de transferência direta de renda do governo federal, voltado para as famílias em situação de pobreza em todo país. Mas sabe exatamente como ele funciona?

Lançado em 20 de outubro de 2003, o programa Bolsa Família é divulgado pelo governo federal como a maior iniciativa de transferência de renda condicionada do mundo. São 13,9 milhões de beneficiados, que recebem o valor médio de R$ 164 mensais.

Além da transferência de dinheiro, que tem como foco o combate à pobreza, o programa também atua nas áreas de saúde e educação, acompanhando crianças, adolescentes e mulheres grávidas.

Beneficiária do programa Bolsa Família

Iniciativa beneficia atualmente 13,9 milhões de brasileiros. Foto: Camila Domingues, Palácio Piratini

Critérios de renda no programa Bolsa Família

Para ter direito a receber o benefício do programa Bolsa Família, é preciso atender aos seguintes critérios de renda:

Primeira faixa de renda

Famílias com renda mensal de até R$ 77 por pessoa.

Segunda faixa​

Famílias com renda mensal entre R$ 77,01 e R$ 154 por pessoa, que possuam em sua composição gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças e adolescentes com idade entre zero e 16 anos incompletos.

Terceira faixa

Famílias com renda mensal de zero a R$ 154 por pessoa, que possuam em sua composição adolescentes entre 16 e 17 anos.​​​

Tipos de benefício

Cada faixa de renda e peculiaridade das famílias participantes do programa dá acesso a um tipo diferente de incentivo. Uma mesma família pode receber mais de um auxílio, desde que esteja dentro dos critérios estabelecidos.

Também famílias que atendem aos critérios do Programa Bolsa Família e estão inscritas em outros programas federais têm direito aos benefícios. Confira quais são eles:

Benefício Básico

Concedido às famílias em situação de extrema pobreza. O auxílio é de R$ 77 mensais.

Benefício Variável

Para famílias pobres e extremamente pobres, que tenham em sua composição gestantes, nutrizes (que amamenta), crianças e adolescentes de 0 a 16 anos incompletos. O valor de cada benefício é de R$ 35 e cada família pode acumular até cinco benefícios por mês, chegando a R$ 175,00.

Benefício Variável Jovem

Destinado às famílias que se encontrem em situação de pobreza ou extrema pobreza e que tenham em sua composição adolescentes entre 16 e 17 anos. O valor do benefício é de R$ 42,00 por mês e cada família pode acumular até dois benefícios.

Benefício para Superação da Extrema Pobreza

Voltado às famílias que se encontrem em situação de extrema pobreza. Cada família pode receber um benefício por mês. O valor do benefício varia em razão do cálculo realizado a partir da renda por pessoa da família e do benefício já recebido no Programa Bolsa Família.

Etapas para recebimento do benefício

Estar dentro dos critérios de renda não basta para você ter acesso ao Programa Bolsa Família. Para isso, você primeiro precisa procurar pelo setor responsável no seu município a fim de realizar o seu cadastro. É necessária a apresentação do documento de identificação para fazer parte do Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal.​

Após essa etapa, sua família passará por um processo seletivo feito pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. A seleção é mensal e é baseada nos dados fornecidos à prefeitura. Se a família é aprovada, passa a contar com a ajuda do programa.

Caixa lança aplicativo do programa Bolsa Família

Para facilitar o acesso de todas essas famílias participantes do Programa, a Caixa lançou em 19 de outubro o aplicativo Bolsa Família.

Disponível gartuitamente para os sistemas Android,  iOS e Windows Phone, o app permite aos beneficiários conferir rapidamente a situação do seu benefício, o calendário de pagamentos e a rede de atendimento da Caixa.

As informações incluem os valores disponíveis para saque, data de retirada e últimas parcelas pagas.

Você vai se interessar por:

Como descobrir bolsas remanescentes no ProUni 2015?

Como os cortes no programa Farmácia Popular afetam o seu bolso

Minha Casa, Minha Vida: veja como se beneficiar do programa

Conta pré-paga ajuda a economizar

Se o dinheiro é uma preocupação e a economia uma necessidade, você pode realizar transações bancárias sem pagar taxas por isso, com toda comodidade. Com o Vivo Zuum, uma conta pré-paga gerenciada pelo celular, você pode fazer pagamentos, transferências e até mesmo recarga de celular. Tudo isso sem mensalidades. Se preferir, você pode adquirir o cartão Vivo Zuum para fazer compras no débito e saques.

> Vivo Zuum: Tenha conta corrente com cartão, sem banco, sem complicação

Gostou de conhecer mais sobre o programa Bolsa Família? Deixe seu comentário.

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria