Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Saiba como funciona a Nota Fiscal Alagoana e veja como aderir

A- A+

Você já ouviu falar da Nota Fiscal Alagoana (NFA)? Ele é um projeto de estímulo à cidadania fiscal do Estado de Alagoas. Criada pela Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz-AL), tem como principal objetivo incentivar os consumidores a exigirem a entrega do documento fiscal na hora da compra. Saiba como a NFA funciona e faça parte dos mais de 200 mil cadastrados.

nota-fiscal-alagoana

Prêmios no programa podem chegar a até R$ 250 mil. Foto: Tércio Cappello, Divulgação

Faça parte do Nota Fiscal Alagoana

Passo 1: Cadastro

Consumidores de todo Brasil podem participar do programa. Para isso, é necessário, primeiramente, acessar o site oficial e realizar o seu cadastro. Você irá precisar dos seguintes dados: número do seu CPF, data de nascimento, nome completo e o seu CEP. Depois, é só clicar em “solicitar cadastramento”.

Na sequência, irá abir um nova aba, em que você deverá completar outras informações, como, e-mail, telefone e endereço. Além disso, será solicitado uma criação de uma senha e de uma frase de segurança.

Passo 2: Consulta

Sempre que quiser acessar a sua conta no site da Nota Fiscal Alagoana, você terá que escolher o seu perfil: contribuinte ICMS, consumidor, contabilista, fazendeiro ou Procon. Após a escolha, é possível realizar ações, como verificar o total de crédito, consultar prêmios e cupons fiscais cadastrados, entre outras.

Passo 3: Concorra

Para concorrer aos prêmios do Programa NFA, você precisa informar o número do seu CPF ou CNPJ em um dos quase 100 mil estabelecimentos participantes.

A cada R$ 100 em notas fiscais é emitido um vale cupom, para concorrer aos sorteios. Os prêmios maiores são de R$ 250 mil, R$ 50 mil, R$ 20 mil e R$ 10 mil. Já os menores abrangem os valores de R$ 500, R$ 25 e R$ 10.

Além de concorrer a prêmios, quem participa da Nota Fiscal Alagoana recebe outros benefícios, como o recolhimento de até 30% do valor do Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação, o ICMS.

Os créditos podem ser convertidos em descontos do IPVA, crédito na conta corrente, poupança ou mesmo no cartão de crédito, basta selecionar o tipo de benefício a ser adquirido.

Vale lembrar que, os créditos relativos a aquisições ocorridas entre os meses de janeiro a junho ficam disponíveis a partir de outubro do mesmo ano. Já os referente ao segundo semestre, somente a partir do mês de abril do ano seguinte.

Você vai se interessar por:

Como resgatar créditos da Nota Paulista sem morar em São Paulo

Como fazer resgate da Nota Fiscal Paulista sem morar em São Paulo

Gesto de solidariedade: doar nota fiscal para entidade é confiável?

Cuide do seu CPF

Informação fundamental para o funcionamento da Nota Fiscal Alagoana, o CPF é um documento muito importante, e ele pode ser muito mais que um instrumento de incentivo à cidadania fiscal. Com o Vivo Alerta CPF, você recebe torpedos SMS sempre que ocorrer uma alteração no status de seu CPF e uma empresa consultar ou estiver perto de negativar o seu nome nas bases de dados da Serasa Experian.

Além disso, você ainda recebe dicas sobre como se prevenir contra fraudes de identidade. O serviço é gratuito nos primeiros sete dias, e depois desse período, você paga apenas R$4,99 por mês

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Gostou das dicas sobre o Nota Fiscal Alagoana? Deixe seu comentário.

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças