Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Repetidor de sinal wi-fi: quando vale a pena comprar um?

A- A+

Ter um repetidor de sinal wi-fi só se justifica em grandes ambientes, certo? Nem sempre é assim. Além do tamanho da casa ou empresa, outros fatores influenciam na cobertura da sua rede sem fio, podendo diminuir consideravelmente o alcance e a potência do sinal para todos os cômodos.

Saiba neste artigo quais são os principais fatores que prejudicam o sinal e quando é indicado comprar um repetidor para resolver esses problemas.

Usando um repetidor de sinal

Repetidor de sinal tem como principal função aumentar o alcance da rede wi-fi. Foto: iStock, Getty Images

O que pode atrapalhar o sinal de wi-fi

Vários fatores podem atrapalhar o sinal da rede sem fio. Entre os principais, estão as paredes grossas, aparelhos eletrodomésticos e até mesmo cores. Ambientes que têm predominância da cor verde, por exemplo, tendem a apresentar mais dificuldades para a internet wirelees.

Isso ocorre porque, se pudéssemos ver as ondas wi-fi, elas seriam verdes, trabalhando na mesma faixa do espectro que essa cor. É por isso que o sinal wi-fi não se propaga tão bem onde há muita vegetação, por exemplo.

Outro obstáculo são eletrodomésticos, como o micro-ondas e o telefone sem fio, que geralmente operam na mesma frequência do roteador, o que pode gerar bastante interferência.

Uma boa solução para esses problemas é utilizar um repetidor de sinal wi-fi. Com ele, a interferência dos outros aparelhos pode diminuir bastante, além da barreira formada pelas paredes grossas e pela cor verde também se tornar menor.

Como escolher um repetidor de sinal de wi-fi

De modo geral, o repetidor de sinal wi-fi pode melhorar o alcance e diminuir as interferências. O aparelho é basicamente encontrado em dois formatos: os que possuem a função apenas de repetidores, e também os que são repetidores e roteadores ao mesmo tempo.

Em alguns modelos de repetidores que também são roteadores, ao conectar o aparelho na tomada, ele automaticamente identifica uma rede wi-fi no ambiente e pergunta se o usuário deseja estender essa rede ou criar uma nova.

Alguns desses aparelhos só estendem sinais wi-fi que são gerados por outros aparelhos da mesma marca. Então, antes de comprar, é preciso ficar atento para essas informações e indicações de uso.

Já o modelo que é apenas repetidor, ou seja, não funciona como roteador, não possui esse tipo de restrição. De modo geral, ele estende a rede não importando a marca do roteador sem fios.

Para quem possui uma internet de velocidade baixa, talvez o repetidor de sinal não seja tão indicado. Isso porque, ao instalar o aparelho, não significa que o usuário irá encontrar a mesma velocidade em outro cômodo da casa, como se estivesse ao lado dele.

Para estender a rede wi-fi, o repetidor recebe o sinal que vem do roteador e, em seguida, repete esse sinal, aumentando seu alcance. Esse processo de receber o sinal para depois espalhá-lo novamente faz com que ocorra uma perda de velocidade no sinal.

Portanto, um repetidor de sinal pode ser uma boa opção para melhorar a cobertura da rede wi-fi. Mas se a velocidade de internet não for muito alta, é importante estar ciente de que ele não deve resolver o problema.

Você vai se interessar por:

Repetidor é no Vivo Compras

Antes de comprar o seu repetidor, ou qualquer outro produto, é importante comparar os preços e as condições de pagamento. Por isso, acesse o Vivo Compras e programe-se. O site traz mais de 850 mil produtos para escolher em diferentes lojas virtuais, através do mesmo carrinho.

> Vivo Compras: Encontre os melhores preços para roteradores e modens

Gostou das dicas para comprar repetidor de sinal? Compartilhe!

Comprar tablet
Mulher entende o que é carnê-leão
Comprar smart tv
micro-ondas ou forno elétrico
geladeira com freezer ou congelador
vale a pena comprar produtos da apple