Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Redes varejistas no Brasil ampliam oferta de cupons para atrair clientes

A- A+

O e-commerce brasileiro passa por um processo de amplo crescimento. Em 2014, as redes varejistas de comércio eletrônico faturaram mais de R$ 35 bilhões, segundo o relatório WebShoppers da E-bit. E muito desse crescimento se deve à expansão das ofertas de cupons de desconto, que atraem a atenção dos clientes para o estabelecimento e fomentam o consumo.

A aposta dos varejistas

O esforço das redes varejistas em oferecer cada vez mais oportunidades de desconto e economia para os seus consumidores pode ser uma resposta das lojas ao aumento da busca por esse tipo de serviço. Segundo o setor de pesquisas da CupoNation, no período compreendido entre 2011 e 2014, a busca pelo termo “cupom de desconto” nos sites de buscas cresceu 614%.

seudinheiro-varejistas

Todas as possibilidades de atração de consumidores se tornam válidas com a crise. Foto: iStock, by Getty Images

O segmento de cupons e ofertas de descontos ainda é muito recente no Brasil. Nos Estados Unidos ele já é consolidado como a principal forma de realizar negócios online. Segundo a Associação Nacional de Marketing, as lojas americanas oferecem cerca de 3 bilhões de cupons por ano, sendo que o número de pessoas que utiliza essas vantagens é de aproximadamente 90 milhões.

Muitas vezes, os cupons são as portas de entrada dos consumidores nas redes varejistas. Uma pesquisa da comScore aponta que mais de 20% dos clientes de e-commerce da América Latina iniciam o seu processo de compra pelos cupons de desconto. Analisando a situação por esse ângulo, quanto mais cupons estiverem disponíveis, mais portas de entradas os clientes terão.

Por que aproveitar as ofertas dos varejistas

Mas o crescimento dessa procura não é à toa. Os cupons realmente conseguem dar vantagens aos clientes nas compras em redes varejistas. A Associação Nacional de Marketing aponta que, se cada consumidor gastar 20 minutos semanais na busca por cupons, é possível conseguir uma economia de até US$ 1 mil por ano, o que equivale a cerca de R$ 3 mil.

Você vai se interessar por:
Compra coletiva x cupom de desconto: veja diferenças

Geralmente, os cupons de desconto estão disponíveis em uma faixa que varia entre 5% e 90% de desconto. O setor de pesquisas da Méliuz aponta que a média de economia das pessoas que utilizam esse tipo de serviço é de 40% nas compras. Um valor significativo para quem está precisando poupar e investir o dinheiro em itens diferentes.

Além da economia financeira, os cupons ofertados pelos varejistas também garantem outros tipos de economias e vantagens, como a poupança de tempo. Eles podem ser utilizados instantaneamente. Você resgata a oferta, recebe o código e já pode inseri-lo na página da loja em que vai comprar. O valor final já recebe o desconto automaticamente.

Eles também se tornam válidos na garantia da individualidade. Diferentemente das promoções lançadas pelas lojas – que ofertam um produto previamente escolhida com preço mais baixo – você pode comprar os itens que desejar, pelo preço que obtiver no resultado final da conta e que é sempre mais baixo do que o inicial.

Vivo Descontos

A Vivo oferece um serviço de cupons de desconto, o Vivo Descontos. Ele oferece redução de preço em produtos de diversas empresas. Para ter acesso ao programa, é só fazer o cadastro no site e esperar pelo código de confirmação, enviado por SMS. Feito isso, as ofertas estarão disponíveis, de forma gratuita, durante uma semana. Após esse período, basta pagar uma taxa de R$2,99 por semana e seguir tendo acesso a todas as promoções disponíveis no site.

> Vivo Descontos: Receba cupons ilimitados por SMS, internet ou aplicativo de smartphones

Gostou das dicas para varejistas? Compartilhe!

vale a pena usar roupas de marca
feiras de trocas
metas de curto médio e longo prazo
quando vale a pena comprar título de capitalização
relógio ou celular
esteira ou bicicleta ergométrica