Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Recuperação de crédito pode limpar seu nome novamente

A- A+

O mundo das finanças conta com uma série de expressões típicas, nem sempre conhecidas do consumidor. É o caso da recuperação de crédito: você já ouviu falar dela? Mesmo que a resposta seja negativa, provavelmente já fez uso desse recurso.

O que é recuperação de crédito

A recuperação de crédito nada mais é do que o caminho percorrido até limpar o nome, ou seja, ter seu registro excluído do cadastro negativo mantido pelas entidades de proteção ao crédito. Quando, por inúmeros motivos, o consumidor entra para uma lista de negativados, ele precisa cumprir algumas etapas até resolver a situação.

Por vezes, só se identifica o nome em uma relação de maus pagadores ao tentar realizar uma compra no crédito. Mas cabe lembrar que, de acordo com artigo 43 do Código de Defesa do Consumidor, o estabelecimento que verificar o débito deve mandar um aviso, por correspondência, notificando que o nome será registrado.

Mulher precisa de recuperação de crédito

Nome sujo impede consumidor de abrir conta em banco e de comprar no crédito. Foto: iStock, Getty Images

Recupere seu crédito em 4 etapas

Quer ter acesso à recuperação de crédito? Confira quais são as quatro etapas principais a superar para ter seu nome limpo novamente.

1. Confira o estabelecimento

A carta deve esclarecer o nome da empresa que está notificando e o valor devido. Ainda assim, o consumidor negativado tem o direito de recorrer às entidades que realizam a consulta ao SPC e ao Serasa. A checagem é gratuita. Basta levar um documento.

2. Procure a empresa

Para pagar o que é devido, o consumidor deve entrar em contato direto com o credor, ou com um agente de cobrança contratado por ele – como é o caso das assessorias terceirizadas. O valor devido precisa ser pago. Em muitos casos, as empresas autorizam um parcelamento ou concedem grandes descontos à vista.

3. Efetue o pagamento

Solicite o boleto para o pagamento integral do valor ou faça uma negociação parcelada. Via de regra, o pagamento da primeira parcela já dá o direito de limpar o nome. Em tese, o comprador deixa de ser inadimplente, pois está fazendo uma nova negociação.

Entretanto, o menor atraso que ocorrer pode colocar tudo a perder, sendo necessário fazer um novo contrato. Nessa ocasião, o nome pode ser negativado novamente.

4. Confira se seu nome está limpo

Qualquer empresa tem um prazo de cinco dias úteis (após o pagamento) para retirar o nome do consumidor dos cadastros negativos. Caso o credor não cumpra esse prazo, o cliente pode recorrer à ajuda do Procon que pode conseguir uma resposta. Se, ainda assim, o credor mantiver o nome negativado, a solução é recorrer às vias judiciais.

Cuide do seu nome

Não há como negar que o seu nome é um de seus maiores patrimônios. Por isso, é importante fazer o possível para não ser negativado. Um dos principais prejuízos de ter o nome incluso nos cadastros negativos é a falta de acesso ao crédito.

Os negativados ficam com a vida financeira limitada. Não conseguem abrir conta em banco, comprar a crédito em estabelecimentos comerciais e uma série de outros procedimentos que envolvam análise financeira.

Você vai se interessar por:

Seu nome protegido

Se você convive com dívidas, precisa conhecer o Vivo Alerta CPF. Entre as suas funções, está o envio de um SMS ao cliente toda vez que ocorrer uma alteração no status do seu nome nas bases de dados da Serasa Experian, toda vez que uma empresa consultar o nome do cliente nessa base de dados e ainda quando o seu nome estiver prestes a ser negativado.

Além disso, o cliente recebe exclusivas dicas antifraude e pode visualizar o relatório completo sobre o seu CPF.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Pronto para realizar a recuperação de crédito? Compartilhe essas dicas!

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças