Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Recadastramento biométrico SP: atenção às regras e prazos

A- A+

As próximas eleições ocorrem apenas em outubro de 2016, mas, se você vota em São Paulo, tem um compromisso com a Justiça Eleitoral anterior ao pleito. O recadastramento biométrico SP tem por objetivo tornar o processo das eleições mais seguro e livre de fraudes.

Pessoa fazendo o recadastramento biométrico SP.

Sistema de biometria está sendo adotado gradualmente em várias cidades paulistas. Foto: Elza Fiuza, ABr

Recadastramento biométrico SP: por que fazer

O processo de cadastramento biométrico é gradual em todo o país, já que é necessária a convocação de todo o eleitorado para fazê-lo. A implementação tem como objetivo garantir a identificação através de impressão digital, fotografia e, quando viabilizado, assinatura digitalizada.

O município que contar com 100% do eleitorado cadastrado biometricamente estará pronto para utilizar urnas equipadas com o sistema de biometria. Esse é o caso, por exemplo, das cidades de Águas de São Pedro, Analândia, Corumbataí, Embu das Artes, Ipeúna, Itirapina, Itupeva, Jundiaí, Louveira, Nuporanga, Sales Oliveira, Santa Gertrudes, Santa Maria da Serra, São Pedro e Vinhedo.

A liberação é feita através da mesa receptora de votos, por meio de um equipamento próprio – um microterminal – antes da entrada do eleitor na cabine de votação.

Onde e como fazer o recadastramento

Desde outubro, todas as zonas eleitorais de São Paulo estão aptas a realizar o recadastramento biométrico. Em razão do grande número de eleitores, a estratégia do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) é alimentar o cadastro de forma gradual, evitando aglomerações nos cartórios.

Por isso, o atendimento é feito exclusivamente através de agendamento, no site do TRE. Nos postos eleitorais instalados em unidades do Poupatempo, localizados em Carapicuíba, Diadema, Guarulhos, Osasco, Santo André, São Bernardo do Campo, e São Paulo (Itaquera, Lapa, Santo Amaro e Luz), o agendamento não é necessário.

Para ser atendido, é preciso comparecer na hora marcada, portando a seguinte documentação: RG original, Carteira de Trabalho e Previdência Social, carteira profissional emitida por órgão criado por lei federal (OAB, CRM, CREA, etc.) ou certidão de nascimento ou casamento. Por não conter nacionalidade, a Carteira Nacional de Habilitação não é aceita.

Já o passaporte só será aceito se for modelos que contenham a filiação. O documento apresentado deve conter o nome atual, sem abreviaturas.

Também é necessário comprovante de residência em nome do eleitor (conta de luz, conta bancária, de telefone, entre outras) que contenha endereço e seja recente. Para homens com idade entre 18 e 45 anos, também é necessário comprovante de quitação do serviço militar (para o primeiro título apenas).

Mais informações podem ser obtidas através da Central de Atendimento ao Eleitor, através do número 148. O custo é de uma ligação local para todo o estado de São Paulo.

Você vai se interessar por:

Cuide do seu principal documento

Quer cuidar melhor do seu principal documento? Então, você precisa conhecer o Vivo Alerta CPF. Entre as suas funções, está o envio de um SMS ao cliente toda vez que ocorrer uma alteração no status do seu nome nas bases de dados da Serasa Experian, toda vez que uma empresa consultar o nome do cliente nessa base de dados e ainda quando o seu nome estiver prestes a ser negativado.

Além disso, o cliente recebe exclusivas dicas antifraude e pode visualizar o relatório completo sobre o seu CPF.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Anotou os prazos do recadastramento biométrico SP? Compartilhe essas dicas!

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças