Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Quer empreender por meio período? Veja como se organizar

A- A+

Você tem o sonho de abrir uma empresa e ser seu próprio chefe, mas não lhe agradam os riscos e a incerteza? Uma opção é dedicar meio período do seu dia à empreitada, enquanto mantém a segura rotina de empregado com carteira assinada no restante do tempo.

Assim, você tem a garantia de uma renda fixa mensal, suficiente para pagar as suas contas, enquanto desenvolve a empresa. Caso o negócio prospere e comece a dar bons resultados, você poderá se dedicar a ele por tempo integral. Se tudo der errado, continuará sendo empregado, mas com muito mais experiência para uma próxima investida.

Parece uma boa ideia? Para tirá-la do papel, o procedimento é idêntico a abrir uma empresa em tempo integral: elaborar um bom plano de negócios e colocar a mão na massa. A única diferença estará na organização do seu dia, que será dividido entre o emprego regular e a criação e desenvolvimento da empresa.

Empreendedor de meio período

Empreendedor de meio período deve cumprir metas para fazer a empresa andar. Foto: iStock, Getty Images

Empreendedor de meio período precisa de organização

Se o empreendedor de meio período conta com um sócio na mesma situação que ele, é como se tivesse apenas uma pessoa trabalhando na empresa em turno integral, mas com uma vantagem: ele terá alguém para agregar conhecimentos, apresentar um ponto de vista diferente e, é claro, dividir os riscos. Considere com carinho essa opção.

Com ou sem sócio, o mais comum é começar a desenvolver o negócio no próprio lar. Para que isso dê certo, é necessária uma estação de trabalho adequada na sua casa – nada de trabalhar deitado na cama. Estipule um horário de trabalho e carga horária semanal para dedicar-se ao projeto e procure cumpri-los.

É fundamental conversar com a sua família e pedir a sua colaboração. Eles precisam entender que, quando você está em casa se dedicando à empresa, está trabalhando e não pode ser perturbado o tempo todo. Caso a nova rotina o torne mais ausente, diga aos familiares que a intenção é justamente, quando a empresa der certo, ter mais tempo para eles.

Metas são fundamentais para projeto ir adiante

Para empreender por meio período, as regras são as mesmas que valem para quem organiza um negócio em tempo integral. Mas, além do menor tempo, o que pode acontecer é que, por você ter a segurança do emprego no turno oposto, a falta do senso de urgência se tornar um fator desmotivador – encarar a empresa como algo opcional.

Para prevenir isso, a saída é dividir todo o seu trabalho em subtarefas e estabelecer metas diárias e semanais. Se, em um dia, você tem cinco horas para se dedicar à empresa, por exemplo, planeje tarefas que possam ser realizadas nesse tempo e se empenhe ao máximo para superá-las.

Caso a tarefa do momento demore vários dias, como criar um plano de negócios, divida-a em várias atividades menores, e essas em outras menores ainda.

Por exemplo, um dos itens do plano é definir qual estrutura a empresa precisa para sair do papel. Dentro disso, está o mobiliário para o escritórioPara definir o tamanho do investimento em móveis, é necessário, primeiro, listar qual o tipo de item você precisa e em que quantidade. Depois, pedir orçamentos e comparar os preços. Já estão aí duas tarefas menores dentro de uma tarefa enorme.

Para não se perder nesse mar de afazeres, use um aplicativo “to do list”. São programas que permitem uma organização clara e intuitiva das atividades do dia e da semana. Os mais conhecidos são Wunderlist, Todoist, Trello, Kanbanflow e Any.do. Alguns ainda contam com um cronômetro que pode ser integrado a uma tarefa, para você saiba exatamente quanto tempo demorou para cumpri-la.

Com bastante organização, o meio período que você dedica à empreitada poderá ser muito produtivo. Certifique-se de cumprir todas as metas e, quando alcançar o sucesso, deixe a vida de empregado e colha os frutos do trabalho.

Você vai se interessar por:

Esse artigo lhe fez lembrar de alguém? Compartilhe!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria