Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Quando é hora de trocar a senha do Wi-Fi? Veja dicas

A- A+

Contas a pagar, compromissos a cumprir, você chega em casa e só quer saber das novidades do mundo virtual. No entanto, a velocidade da sua internet está muito lenta e o acesso aos seus sites preferidos está demorando muito mais do que o normal. Esse pode ser um sinal de que a sua rede sem fio esteja sendo usada indevidamente por alguém e pode ser a hora de trocar a senha do Wi-Fi.

Caso isso aconteça com frequência, e as visitas de um técnico especializado não resolvam o problema, você precisa pensar em algumas soluções para aumentar a segurança da sua rede wireless. Confira sete dicas para não ter sua internet furtada.

Foto: Shutterstock

O ideal é mudar sua senha, pelo menos, uma vez por mês. Foto: Shutterstock

Trocando a senha do Wi-Fi: 7 dicas para evitar o roubo da sua internet sem fio

1) Faça um teste: uma ótima maneira de tentar descobrir se existe furto na sua internet é desligando todo os dispositivos sem fio da tomada. Preste atenção no seu roteador. Se a luz destinada ao Wi-Fi (WLAN) estiver piscando, é possível que outra pessoa esteja utilizando sua rede sem fio.

2) Opte por criptografia WPA ou WP2: a escolha por um desses dois sistemas deve ser feita devido a suas complexas criptografias. Segundo o blog Oficina da Net, ainda que exista outras opções para a encriptação de redes Wi-Fi, é mais seguro sempre escolher uma das duas, desde que presente no roteador.

3) Oculte a SSID: Service Set Identifier (SSID) é o nome da sua rede. Ao ocultá-la, você terá um pouco mais de trabalho para conectar, mas, assim, sempre quando alguém for se conectar à internet sem fio, terá de informar, além da senha, o nome da rede.

4) Crie uma rede para visitantes: o blog também recomenda a criação de uma segunda SSID para os seus amigos que lhe visitarem. Assim, você tem uma rede exclusiva para uso pessoal e a outra para seus visitantes. A segunda rede também possui uma frequência diferente, para não interferir na outra, tornando ambas mais seguras.

5) Troque sua senha com frequência: o ideal é mudar, pelo menos, uma vez por mês. Essa medida é uma ação preventiva, pois se alguém consegue descobrir a senha da sua rede, ela não consegue usá-la por muito tempo.

6) Instale softwares de monitoramento: existem diversos programas e aplicativos que mostram quantos dispositivos estão conectados à sua rede. Existem opções gratuitas e pagas disponíveis para notebooks, smartphone, tablet e computadores de escritório. Assim, você consegue mapear pelo número do IP e a quantidade exata de pessoas que está acessando a sua internet.

7) Desligue seu roteador: quando você não estiver usando a internet, é importante desligar o seu aparelho de distribuição de sinal. Além de economizar energia, evita ataques cibernéticos.

Suporte à Informática

Além da alteração da senha do Wi-Fi, existem outras formas de manter seu computador seguro. Com o Suporte à Informática da Vivo, você você tem um especialista técnico disponível pelo telefone e acesso on-line 24 horas por dia para o que precisar.

> Suporte informática: Resolva problemas de seu computador

Gostou das dicas de senha do Wi-Fi? Deixe seu comentário.

celular 2g 3g ou 4g
roteadores wifi potentes
quanto custa fazer um aplicativo
usar Whatsapp
Casal consultando a fatura online
Compras programadas - Vivo Seu Dinheiro