Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Qual tensão elétrica é mais vantajosa ao consumidor: 110 ou 220?

A- A+

As residências brasileiras podem possuir circuitos com duas tensões elétricas: 110 ou 220. A diferença exige que você compre aparelhos e eletrodomésticos adequados à rede, mas você sabe qual das opções é a mais vantajosa? Entenda o que as diferencia e como isso afeta o consumo de energia elétrica, impactando diretamente no seu bolso.

Tomada pode ser 110 ou 220

As residências brasileiras podem contar com rede na tensão 110V ou 220V. Foto: iStock, Getty Images

110 ou 220: qual consome mais energia?

A reposta mais objetiva é: nenhuma. Para entender os detalhes que levam a essa conclusão, é necessário um pouco de boa vontade para compreender os princípios da física e da eletricidade. Vamos lá?

O consumo de energia elétrica da sua residência é medido pela potência consumida ao longo do tempo. A potência, como você aprendeu no Ensino Médio, é medida em watts. Para calculá-la, basta multiplicar a corrente elétrica, medida em amperes, pela tensão elétrica, medida em volts.

Portanto, o consumo irá depender da potência dos equipamentos utilizados, e do tempo em que esses utensílios ficarem ligados. A tensão elétrica, 110 ou 220, não interfere nesse cálculo.

Para entender, vamos exemplificar com duas lâmpadas de 60W de potência, mas com tensões elétricas diferentes. Uma é alimentada por um circuito de 110V, enquanto a outra recebe uma tensão elétrica de 220V. Observe o cálculo:

  • 60W / 220V = 0,27A
  • 60W / 110V = 0,54A

Como você pode perceber, a variação fica por conta da corrente elétrica necessária para atingir a potência do dispositivo. Assim, o consumo de energia elétrica (potência) é exatamente o mesmo.

O que é melhor: 110 ou 220?

No que diz respeito ao consumo de energia elétrica, como foi explicado, não há diferença entre 110V e 220V. Mas há outros dois critérios que podem ser levados em consideração para concluir qual rede é a mais vantajosa para o usuário.

Do ponto de vista da instalação e da manutenção, a vantagem é da rede 220V, pois, como a corrente elétrica necessária para atingir a potência dos equipamentos é menor, a fiação possui uma bitola inferior. Isso significa que é mais barato instalar e reparar o sistema.

Agora, analisando sob a ótica da segurança, a rede de 110V apresenta vantagens. Em caso de acidente ou choque, a intensidade da corrente elétrica que circulará pelo organismo em uma rede de 110V é a metade da que circularia com uma rede de 220V. Isso não afasta o perigo, mas reduz a intensidade em caso de choques acidentais, fruto de um esbarrão, por exemplo.

Finalmente, é preciso lembrar que, se você está pensando em economizar energia, a recomendação é escolher aparelhos e eletrodomésticos que possuam o selo de eficiência energética “A”, emitido pelo Inmetro. Essa é a melhor maneira de garantir um consumo reduzido de energia elétrica.

Você vai se interessar por:

Assistência para sua casa

Para se proteger de qualquer emergência em sua casa, é importante contar com o serviço Vivo Assistência Casa e Auto. Com ele, você conta com serviços de eletricista e encanador para sua casa, socorro mecânico para seu automóvel e chaveiro para os dois, sempre que precisar, por apenas R$ 5,90 por mês.

> Vivo Assistência Casa e Auto: Garanta socorro em emergências na sua casa

E na sua casa, qual a tensão elétrica: 110 ou 220? Comente e compartilhe as dicas!

Nintendinho
quais são as vantagens das lâmpadas incandescentes
celular de 15 reais
economizar energia na geladeira
acessórios para câmera
Troca de lâmpada após usar simulador de consumo de energia elétrica