Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Plataforma oferece financiamento coletivo para empreendimentos imobiliários

A- A+

Também conhecido como financiamento coletivo, o crowdfunding é uma tendência na internet. O objetivo é simples: arrecadar recursos para apoiar uma causa ou empreendimento. Foi justamente com essa proposta que surgiu o URBE.ME.

Apesar de semelhante a outras plataformas da área, como o Catarse e o Vakinha, o novo projeto surge com uma abordagem um pouco diferente, voltada para a área de empreendimentos imobiliários.

Homem participa de financiamento coletivo de imóvel

Investir em imóveis pode ser opção para aumentar a rentabilidade de suas aplicações. Foto: Shutterstock

Financiamento coletivo no URBE.ME

No Brasil, a maioria das plataformas de financiamento coletivo funciona a partir do princípio da doação. No URBE.ME, de outra maneira, cada pessoa que contribui realiza um investimento, com possibilidade de retorno financeiro.

Para Guilherme Enck, gestor de operações do URBE.ME, esse é o principal diferencial do projeto. Mas ele também alerta que pode ser uma aplicação de risco, o que exige que o investidor analise o seu perfil e os riscos que está disposto a correr.

Na hora em que são selecionados os empreendimentos que vão entrar para o site, Enck garante que a escolha é rigorosa, justamente para oferecer aos clientes mais segurança e credibilidade – sem deixar de lado a inovação.  

Entre os critérios, são dois os que mais costumam pesar na decisão:

– Viabilidade econômica e potencial de retorno, com rentabilidade que fique acima da taxa básica de juros, a Selic

– Potencial que o empreendimento possui de valorizar a região e oferecer um impacto urbano positivo.

“Selecionamos empreendimentos inovadores e que possuam diferenciais arquitetônicos. Esses dois critérios representam a filosofia do URBE.ME, mas também são analisados por serem considerados fatores que favorecem o sucesso da captação”, destaca o gestor de operações.

Primeiro projeto de financiamento coletivo

O primeiro projeto a fazer parte do URBE.ME é o VN Cardoso de Melo, da Vitacon, que segue em captação na plataforma até janeiro de 2016. Até o momento, já foram reservados cerca de R$ 180 mil para a obra.

Depois que a fase de arrecadação do dinheiro terminar, começa a venda das unidades. Conforme as negociações, que devem ser apuradas trimestralmente, o investidor recebe, diretamente na sua conta, a sua participação nos lucros do negócio.

Por outro lado, se o empreendimento não funcionar como o esperado e as unidades não forem vendidas, o investidor recebe o seu dinheiro de volta, somado do rendimento registrado pela poupança em janeiro de 2021, data em que vence o prazo do investimento.

Para Enck, a solução em crowdfunding permite que pequenos investidores passem a ter acesso mais fácil aos investimentos do mercado imobiliário no país.

Você vai se interessar por:

Proteção do seu patrimônio

Se você tem ou pensa em comprar um imóvel, é importante assegurar a proteção extra do patrimônio. Clientes Vivo podem contratar seguro residencial que garante, entre outras coberturas, amparo contra incêndio, raio e explosão. A apólice prevê o pagamento de uma indenização quando ocorrer danos à sua residência ou ao seu conteúdo.

O seguro ainda cobre prejuízos decorrentes de roubo ou furto qualificado, de problemas causados por danos elétricos e Responsabilidade Civil Familiar.

> Seguros para seus bens: Garanta proteção contra incêndio, raio, danos elétricos, roubo e furto

O que achou desse novo modelo de financiamento coletivo? Comente!

Comprar casas em Orlando é opção
Como é morar no campo
Trabalhando na reforma de casas antigas
Aproveitando o desconto em imóveis
Como escolher corretora para Tesouro Direto
Uso de LED no projeto de iluminação residencial