Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Olimpíadas geram boa oportunidade para o aluguel de imóveis

A- A+

Todo brasileiro que tenha sido afetado pela crise está procurando uma maneira de ganhar o dinheiro extra, não é mesmo? Para os cariocas, o aluguel de imóveis durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos pode ser uma solução.

Há muitas maneiras de apostar nesse investimento. Desde agir de forma independente ou até mesmo utilizar as redes sociais voltadas a aluguel por temporada para divulgar a sua casa ou apartamento. Já pensou que essa pode ser a chave para sair do vermelho em definitivo?

Aluguel de imóveis no Rio

Bairro de Ipanema registra o valor mais alto de diário no aluguel de um imóvel. Foto: iStock, Getty Images

Quanto se pode faturar?

A lucratividade depende das instalações, mas também está muito ligada à localização do imóvel. Para se ter uma ideia, a diária campeã de valores é em Ipanema, a R$ 6,8 mil. Apesar disso, a média de valores do bairro está em R$ 2,3 mil.

Mesmo o Leblon, conhecido por ser mais requintado, tem valores menores, com média de R$ 1,8 mil pela diária. Já em Copacabana, a média é de 1,7 mil. Na Barra, os preços variam de R$ 500 a R$ 2,3 mil.

Internet é aliada do aluguel de imóveis

É claro que você pode usar seus próprios contatos através de e-mails e redes sociais. Mas há sites específicos que ajudam a ampliar o número de visualizações da sua oferta. O Aluguel para Olimpíadas é um deles, permitindo colocar foto do imóvel e o preço por dia ou por temporada.

Outro exemplo é o Alugue Temporada, que é uma espécie de buscador de imóveis para alugar. Basta selecionar a cidade, informar o período desejado e o número de hóspedes que irão ficar para ter acesso às ofertas e a um parâmetro dos valores cobrados.

Seu espaço é simples e você não precisa faturar tanto assim? Há redes sociais voltadas até mesmo ao aluguel de um quarto em casa de família. Um exemplo clássico é a Airbnb, que funciona dentro do conceito Bed And Breakfast, ou seja, cama e café da manhã. Sim, isso pode ser feito em sua casa. Que tal a ideia?

Em um evento onde a estimativa de faltar hospedagem formal para os mais de 350 mil visitantes estrangeiros aguardados pelo Ministério do Turismo, até mesmo alugar uma cama ou um sofá pode ser útil para alguém, e rentável para você.

Revenda de ingressos é opção

Além do aluguel de imóveis durante o evento esportivo, outra solução para orçamentos apertados, ou mesmo para imprevistos financeiros, é revender ingressos adquiridos para os jogos.

Para facilitar a vida do espectador, a própria organização dos Jogos Olímpicos disponibiliza em seu site uma área para a revenda. Nessa seção, é possível revender pelo mesmo preço que pagou, ficando livre de prejuízo.

Você vai se interessar por:

Seguro para os seus bens

Se você tem um imóvel, outra boa dica é contratar uma proteção extra. Clientes Vivo podem contratar seguro residencial que garante, entre outras coberturas, amparo contra incêndio, raio e explosão. A apólice garante o pagamento de uma indenização, quando ocorrer danos à sua residência ou ao seu conteúdo.

O seguro ainda cobre prejuízos decorrentes de roubo ou furto qualificado, de problemas causados por danos elétricos e Responsabilidade Civil Familiar.

> Seguros para seus bens: Garanta proteção contra incêndio, raio, danos elétricos, roubo e furto

Vai investir no aluguel de imóveis durante as Olimpíadas? Comente!

Comprar casas em Orlando é opção
Como é morar no campo
Trabalhando na reforma de casas antigas
Como escolher corretora para Tesouro Direto
Uso de LED no projeto de iluminação residencial
Reaproveitamento da água do chuveiro