Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

O que você precisa para saber como investir seu dinheiro

A- A+

Poupança, fundos imobiliários, bolsa de valores, moeda estrangeira e imóveis. São tantas as possibilidades que temos na hora de pensar em como investir que é natural se atrapalhar e não saber qual é a escolha certa para fazer o seu dinheiro render.

Saber como investir depende também de conhecer o seu perfil. Não é porque o seu vizinho ganhou muito dinheiro na bolsa de valores que você conseguirá obter o mesmo êxito. Conhecer o seu capital, limites e mesmo personalidade é parte do processo.

Conheça seu perfil de investidor para definir aplicações. Foto: iStock, Getty Images

Conheça seu perfil de investidor para definir aplicações. Foto: iStock, Getty Images

Como investir: a idade certa para cada ação

“A exposição ao risco deve ser inversamente proporcional à idade”, indica o sócio da Monte Bravo Investimentos, Pier Mattei. Segundo ele, quanto mais a idade avança, menor deve ser a parcela da poupança e patrimônio pessoal ou familiar destinada a investimentos de risco.

Via de regra, o início da fase adulta deve ser aproveitado para começar a formar uma poupança, isto é, a economizar e investir seu dinheiro. Como fazer isso de forma segura permanece como a maior dúvida de quem quer fazer o seu dinheiro render.

“Pode ser através de uma carteira própria de ações, cotas de fundos de investimentos em ações e cotas de fundos de previdência. O importante antes de iniciar qualquer investimento é que a pessoa conheça o seu perfil através da Análise de Perfil do Investidor, o que é facilmente disponibilizado pelos bancos e corretoras”, aponta Mattei.

É só depois de conhecer as suas características como investidor que se toma a decisão sobre como agir. Por não se tratar de algo tão simples, recomenda-se a aproximação de um consultor, pois cada caso deve ser avaliado de forma independente.

A questão da idade, por exemplo, nem sempre pode ser seguida à risca. Mattei explica que não se pode generalizar, pois pode haver um jovem que precisa ser conservador. “Tudo vai depender dos objetivos que a pessoa tem e das condições de investimento que possui”, ensina.

Conheça seu perfil para saber como investir

Há três tipos de perfis quando se fala em investidores. Eles são facilmente encontrado em sites de corretoras e bancos, junto a testes que vão ajudar você a se conhecer melhor em relação a finanças.

O conservador

Não admite perdas. Sua meta principal é a proteção do patrimônio, ainda que isso possa representar ganhos menores. Costuma investir em renda fixa (poupança e CDB, por exemplo) ou no tesouro direto. Também gosta da possibilidade de comprar um imóvel para alugar.

O moderado

Admite perder um pouco do dinheiro na tentativa de fazer com que ele renda o máximo que for possível, mas dentro de uma margem de segurança. Costuma, assim, deixar uma parte do dinheiro aplicada em renda fixa e colocar outro parte em fundos de ações e clubes de investimento, por exemplo.

O arrojado

Normalmente, o investidor arrojado sabe como investir. Ele conhece as oscilações do mercado e não se importa em jogar com o dinheiro. Mesmo quando há riscos de perder uma parte, a possibilidade de ganhos mais altos o atrai.

Tarifa bancária pode virar bônus

Gosta de investimentos? Se você é cliente Vivo e correntista do Santander, Itaú, Bradesco, Banco do Brasil ou Banrisul, pode transformar o valor pago mensalmente pelo pacote de tarifas em mais minutos para ligações no seu Vivo Móvel Pré, Pós ou Controle, além de outros benefícios. Para acionar o serviço, entre em contato com um dos canais de comunicação do seu banco e aproveite mais essa vantagem.

> Conta Bônus: Transforme tarifas bancárias e anuidade do cartão em bônus para o celular
É importante entender de finanças bem antes de sair de casa.
como lucrar vendendo cachorro quente
como lucrar vendendo bolo no pote
como lidar com a avareza
como abrir uma franquia de alimentos
como abrir uma empresa de coleta de entulho