Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Música para comprar: entenda como o som afeta o padrão de consumo

A- A+

Você já reparou que, ao entrar em uma loja, geralmente há uma melodia no ar? Pois saiba que isso não é à toa. É uma música para comprar, uma forma de estimular o consumo e a experiência sensorial dos clientes. Há diversos estudos na área da psicologia destinados a comprovar essa tese.

Uma pesquisa da Universidade Rutgers, nos Estados Unidos, aponta que a música tocada em lojas não afeta significativamente o estado de ânimo declarado pelos clientes dos estabelecimentos comerciais, mas tem impacto sobre seu comportamento. Foi constatado que, em ambientes sonoros, os compradores por impulso tendem a gastar ainda mais.

música para comprar

Música pode ser utilizada para aumentar vendas. Foto: iStock, Getty Images

Como a música para comprar influencia as pessoas?

São diversos os efeitos da musicalidade sobre o ser humano. Isso já é comprovado há anos. Ainda em 1940, a famosa “música de elevador” – ou música ambiente – começava a ser utilizada como uma maneira de deixar os trabalhadores mais relaxados e, consequentemente, mais produtivos.

Mas é difícil saber exatamente qual efeito a sonoridade exerce sobre cada indivíduo e seus hábitos de compra. Um estudo conduzido por Adrian North, docente de Psicologia da Música da Universidade Curtin, na Austrália, demonstrou que até mesmo o estilo da música faz diferença no contexto.

Ao observar o padrão de consumo em um restaurante, o pesquisador detectou que os clientes gastam, em média, duas libras extras por pessoa quando escutam música clássica e não pop. E mais: North percebeu que o som do ambiente também tinha influência sobre a percepção dos sabores.

Ouvir canções suaves fez com que algumas pessoas avaliassem um vinho como suave, enquanto sons mais intensos as levaram a classificar vinhos provados como intensos. O pesquisador identificou, ainda, que a música clássica tende a aumentar as vendas de produtos mais caros, enquanto o sertanejo eleva o consumo de itens corriqueiros.

É o conjunto de todos esses fatores que faz com que muitos profissionais utilizem a música como forma de aumentar as vendas e manipular o comportamento dos consumidores. Os defensores da técnica utilizam a sonoridade como elemento extra para aprimorar o design do ambiente e garantir uma percepção mais positiva da loja aos olhos da clientela.

Seja para impulsionar as vendas ou simplesmente para gerar tranquilidade e conforto aos clientes na hora da compra, o fato é que a música para comprar faz toda diferença.

Você vai se interessar por:

Equipamento de som é no Vivo Compras

Antes de comprar o seu equipamento de som, é importante comparar os preços e as condições de pagamento. O Vivo Compras traz mais de 850 mil produtos para escolher em diferentes lojas virtuais, através do mesmo carrinho.

Em parceria com a Opte+, a Vivo oferece produtos de lojas virtuais como Ponto Frio, Extra, Fast Shop e Casas Bahia. No portal, é possível encontrar eletrodomésticos, eletrônicos, produtos de informática, móveis, além de passagens aéreas, pacotes e hotéis, sempre com descontos diferenciados.

> Vivo Compras: Encontre os melhores preços para suas compras

Gostou das dicas sobre a influência da música para comprar? Comente.

Comprar tablet
Mulher entende o que é carnê-leão
Comprar smart tv
micro-ondas ou forno elétrico
geladeira com freezer ou congelador
vale a pena comprar produtos da apple