Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Mãe solteira: 7 dicas financeiras para trazer alívio ao bolso

A- A+

Ser mãe solteira – por escolha própria ou não – requer uma habilidade acima da média, não apenas com o corre-corre diário, como também com relação às finanças. Afinal, educar, alimentar e vestir um filho com um só salário (ou com uma pensão muitas vezes pequena) não é tão simples.

A mãe solteira precisa aprender a lidar com as finanças de casa.

Um maiores controle das despesas ajuda a ter tranquilidade com suas finanças. Foto: iStock, Getty Images

7 dicas financeiras para mãe solteira

Algumas dicas podem facilitar a vida financeira da mãe solteira, dando um alívio ao bolso. Veja o que você pode fazer para uma melhor gestão do seu dinheiro.

Controle as despesas

Todas as ferramentas de controle de despesas são válidas: desde papel e caneta, todo tipo de planilhas e até os mais modernos aplicativos de celular. É preciso saber quanto ganha, quanto gasta e, eventualmente, o que sobra.

Liste as prioridades

É difícil encontrar uma mãe solteira que não precise economizar. Para atingir esse objetivo, ter as prioridades de vida bem claras ajuda a direcionar os gastos, evitando desperdiçar o dinheiro em itens desnecessários.

Viva mais, gaste menos

O lazer é importante, principalmente com crianças, mas pode custar caro. Procure mais opções de programas econômicos ou até mesmo gratuitos, como as brincadeiras ao ar livre. Além disso, muitas programações pagas – como o cinema – têm seus dias de promoção.

Foque nas listas

Mãe solteira precisa fazer lista de supermercado, do lanche da escola, do material escolar solicitado para aquela semana e até das roupas que precisa comprar porque as antigas já não servem mais.

É sempre importante fazer uma projeção dos gastos e subtrair do seu orçamento mensal para evitar surpresas no final do mês. Principalmente com crianças muito pequenas, é bom que sobre uma reservinha para imprevistos.

Pesquise mais

Determinado material escolar pode apresentar uma diferença de preço significativa em lojas diferentes. Isso funciona para tudo, inclusive roupas, calçados e brinquedos. Se puder comprar pela internet, o desconto pode ser ainda maior.

Elabore o planejamento

É importante ter um planejamento para o ano e também em longo prazo. Só assim você saberá quanto pode gastar, quanto precisa colocar na poupança até seu filho chegar à faculdade e se pode comprar aquele brinquedo caro no Natal ou não.

Ter objetivos claros também ajuda a poupar e canalizar o dinheiro para o que é realmente importante.

Faça um investimento

É preciso ter disciplina financeira para fazer um investimento. São muitas as opções no mercado, para os mais diversos perfis de investidor. É uma forma de garantir um lucro para utilizar mais tarde.

Você vai se interessar por:

Educação financeira familiar ajuda a colocar a casa em ordem

Confira 5 dicas para melhorar seu planejamento financeiro familiar

Finanças na família: aprenda a prevenir problemas

Tarifa bancária pode virar bônus

Se a meta é economizar, que tal então ter mais vantagens? A dica é transformar suas tarifas em benefícios com o Conta Bônus. Os valores mensais que você paga ao banco ou às operadoras de cartão de crédito podem ser convertidos em bônus de ligações. Com esse serviço da Vivo, em até 10 dias úteis após o débito da tarifa, o valor é revertido integralmente para você.

> Conta Bônus: Transforme tarifas bancárias e anuidade do cartão em bônus para o celular

Gostou das dicas sobre finanças para mãe solteira? Compartilhe!

como lucrar vendendo cachorro quente
como lucrar vendendo bolo no pote
como abrir uma franquia de alimentos
como abrir uma empresa de coleta de entulho
o que fazer com as crianças
como se relacionar com as pessoas no ambiente de trabalho