Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Já pensou em ter um robô que faz faxina?

A- A+

Na família Jetson, que protagonizava aquele desenho animado criado nos anos 1960, Rosie era um robô que fazia as funções de empregada doméstica. Meio século mais tarde, a indústria alcançou nível tecnológico capaz de materializar a imaginação de Hanna Barbera, criando robôs que aspiram pó e até limpam vidros.

Programar um robô para desempenhar as tarefas mais chatas da limpeza doméstica bastando apenas apertar um botão é o sonho de toda dona de casa. Atenta a essa tendência, a indústria vem colocando novos produtos no mercado a cada ano.

Na CES, uma das maiores feiras anuais de tecnologia do mundo, fabricantes têm dado destaque a produtos dessa linha. Na edição do ano passado, por exemplo, foram apresentados robôs capazes de realizar até mesmo tarefas mais refinadas, como limpar a grelha da churrasqueira.

robo

Tarefas básicas, como aspirar o pó, já podem ser repassadas tranquilamente a robôs. Foto: iStock, by Getty Images

Robô que aspira chão

Tarefas básicas, como aspirar o pó, já podem ser repassadas tranquilamente a esses protótipos de Rosie. O Deebot, por exemplo, que custa em torno de R$ 2,2 mil, vem equipado com filtros antibactericidas, detector de poeira e de impacto, evitando choques violentos que possam danificar o produto, bem como quedas bruscas escada abaixo.

Você vai se interessar por:
Compare 4 modelos de aspirador que vão facilitar a limpeza
Conheça três modelos de aspirador de pó portátil
Saiba quanto custa equipar cozinhas com eletrodomésticos

O robô tem um sistema de programação automática por meio de sensores inteligentes que identificam áreas pequenas, como cantos e corredores. O equipamento é capaz de se autoprogramar para limpar o caminho rastreado em zigue-zague. Tem ainda uma função borda, que garante a eficiência na limpeza dos cantos.

Ah, e não precisa nem se preocupar com os tapetes, porque o Deebot é capaz de fazer subidas e descidas de superfícies com até 2 centímetros com muita facilidade. É ideal para todos os tipos de pisos secos, tapetes e carpetes. Você monitora tudo no visor de LCD e pode comandar os trabalhos por controle remoto.

Robô que limpa vidros

Outro robô para limpar o chão encontrado no mercado brasileiro é o Roomba, que custa entre R$ 2 mil a R$ 3 mil, dependendo do modelo. Basta pressionar a tecla Clean e ele faz tudo sozinho. Você pode ficar numa boa assistindo a novela, porque quando o Roomba terminar o serviço, ele vai voltar automaticamente para você, já que ele tem a função de retornar à base e fazer a recarga da bateria para a próxima limpeza.

Roomba es

Roomba es

Mas você vai gostar também do Winbot, um robô que limpa vidros por dentro e por fora. Ele pode ser usado também para limpar espelhos. O preço de um equipamento desses vai de R$ 2 a R$ 3 mil. Para que o robô deixe seu vidros transparentes como vindos de fábrica, você só precisa colocar o líquido de limpeza no local indicado e ligar o aparelho. Ele detecta sozinho a área a ser lavada.

Winbot detecta sozinho a área a ser lavada. Foto: Divulgação.

Winbot detecta sozinho a área a ser lavada. Foto: Divulgação.

Equipado com sistema de sucção, ele não se desprende do vidro enquanto faz a limpeza nem corre o risco de despencar no chão depois de terminar o serviço. O robô é programado para ficar grudado por 12 minutos e vem com uma alça de segurança para mantê-lo suspenso até a retirada.

Este artigo lhe fez lembrar de alguém? Compartilhe!

Pokémon Go
vale a pena comprar um videogame
LG X Screen
relógio ou celular
vale a pena comprar celular muito barato
vale a pena comprar celular top de linha