Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Ir trabalhar de bicicleta tem benefícios para a saúde e para o bolso

A- A+

Para quem enfrenta o trânsito na chamada Hora do Rush, ir trabalhar de bicicleta pode ser uma opção mais vantajosa para economizar o tempo. Mas não é só aí que você poupa. Além de não ter mais custos com passagens ou combustível, utilizar a bike para se locomover é uma forma de realizar atividades físicas sem pagar nada.

Ele gosta de ir trabalhar de bicicleta

Em São Paulo, quem usa bicicleta tem 414 quilômetros de estrutura cicloviária. Foto: iStock, Getty Images

Por que ir trabalhar de bicicleta

A edição de 2015 da Pesquisa de Mobilidade Urbana, realizada pela Rede Nossa São Paulo e a Federação do Comércio de Bens e de Serviços de São Paulo, a Fecomercio-SP, apontou que 23% dos moradores da capital paulista levam pelo menos duas horas para se deslocar de casa ao trabalho e que a média da cidade é de 1 hora e 44 minutos por dia.

Para essas pessoas – que, segundo pesquisa do Ibope, passam 27 dias por ano trancadas no trânsito – ir trabalhar de bicicleta pode ser uma opção melhor. Em cidades como São Paulo, que tem 414 quilômetros de estrutura cicloviária, é possível usar a bike como meio de transporte e obter êxito na questão de economia de tempo.

Como ponto negativo, porém, as longas distâncias percorridas para chegar de um ponto a outro nos grandes municípios e o clima instável de algumas cidades, como a capital paulista, que é chamada de Terra da Garoa, podem atrapalhar o trajeto e a viabilidade dessa ideia de ir trabalhar de bicicleta.

Ainda assim, em dias de tempo estável e para distâncias curtas e médias, usar a bicicleta como meio de transporte é possível e vantajoso. Como o que move as rodas da bike são as suas pernas, só há gastos com a própria energia – e o combustível é uma alimentação reforçada e saudável. Gasolina e bilhetes de ônibus ou metrô somem das suas despesas.

Ao ir trabalhar de bicicleta, você ainda pratica uma dose diária de atividades físicas enquanto se desloca para os seus compromissos. Pedalar durante uma hora gasta até 300 calorias por dia, queima gorduras, melhora as condições cardíacas e a resistência cardiorrespiratória.

Tudo isso sem pagar academia, economizando em transporte e sem precisar inserir uma atividade extra na rotina atribulada.

Para escolher a sua bike

Mas para ir trabalhar de bicicleta, você precisa contar um equipamento resistente e que não prejudique a coluna e nem as articulações. Segundo a Escola de Bicicleta, o modelo ideal é aquele que permite que o ciclista fique mais em uma postura mais reta, quase em pé. Esse é indicado para percursos de até quatro quilômetros.

É importante, ainda, preocupar-se em sinalizar a bicicleta com refletores, que são obrigatórios pelo Código de Trânsito Brasileiro. Capacetes, faróis, lanternas traseiras, paralamas, bagageiro e óculos protetor também são acessórios que tornam a experiência mais confortável e segura.

Você vai se interessar por:

Sua bicicleta mais próxima

Na hora de levar sua nova bicicleta para casa, conte com os benefícios do cartão como forma de pagamento. Com os Cartões de Crédito Vivo, você pode parcelar em até 12 vezes sem juros nas lojas Vivo e somar pontos no programa de recompensas Vivo Valoriza. Oferecidos em parceria com o Itaú e o Santander, eles também dão bônus e pontos para você falar mais em ligações para telefone fixo ou de longa distância, enviar SMS e acessar a internet, além de descontos em cinema e muitas outras vantagens.

> Cartões de Crédito Vivo: Conheça as vantagens

E você, gosta da ideia de ir trabalhar de bicicleta? Compartilhe as dicas!

vale a pena usar roupas de marca
feiras de trocas
como abrir uma academia de ginástica
dicas para comprar uma boa esteira
vale a pena economizar
dividir aluguel com alguém