Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Inglês em meio às ondas: como fazer um intercâmbio no Hawaii

A- A+

Para pessoas jovens, que gostam de surf e de outros esportes ligados ao mar, fazer um intercâmbio no Hawaii parece ser a opção ideal para qualificar seu inglês e ainda poder aproveitar ondas perfeitas.

Quanto custa um intercâmbio no Hawaii

Mas esse sonho não é tão barato assim, se comparado a outros destinos. Conforme William Canteiro, student adviser da World Study, um curso de inglês de quatro semanas na capital, Honolulu – mesclado com um programa fitness – tem um custo de US$ 1,8 mil (quase R$ 7 mil).

O estudante ainda deve arcar com acomodação e alimentação. Um apartamento estúdio pode ser encontrado a partir de US$ 200 a US$ 475 semanais (o que representa de US$ 800 a US$ 1.900 em quatro semanas).

intercambio no hawaii

Pesquise datas, preços de cursos e acomodações antes de viajar ao Hawaii. Fotos: iStock, Getty Images

Há também a opção de hospedagem em casa de família, em torno de US$ 230 semanais. Nesse caso, não é preciso gastar com alimentação, mas nem todos se adaptam, avisa Canteiro. “Indicamos que um período de duas a quatro semanas é o tempo máximo para ficar com uma família, mas se o estudante se adaptar, esse prazo pode ser renovado”, destaca.

Ele explica que o processo de aluguel é muito simples na maioria dos países onde são realizados os intercâmbios. “Geralmente, é cobrado um valor antecipado como garantia, semelhante à nossa caução e, no final da temporada, esse valor é devolvido, caso esteja tudo em ordem. Se tiver algo quebrado, o valor de reparação é descontado desse adiantamento”, explica.

Todos os programas de estudos oferecidos pela World Study para cursos durante o intercâmbio no Hawaii são mesclados com atividades físicas. São inúmeras opções, desde yoga, aulas de surf e até Ula Ula, a tradicional dança havaiana.

Você vai se interessar por:

O que fazer durante o intercâmbio no Hawaii

Se você pretende aproveitar as ondas do Oceano Pacífico – muitas delas com mais de dez metros de altura –  é preciso escolher a temporada certa para fazer intercâmbio no Hawaii. O período mais quente é de junho a outubro. Já os meses entre dezembro e março devem ser evitados, pois nesta época costumam ocorrer chuvas fortes.

Pearl Harbor

A história do Hawaii está bastante ligada à Segunda Guerra Mundial, quando a base norte-americana de Pearl Harbor foi atacada pela Marinha Japonesa, matando 2,4 mil militares norte-americanos. O local pode ser visitado.

Atrativo de um intercâmbio no Hawaii

Cemitério de Punchbowl

É nesse local que estão sepultados os soldados mortos em Pearl Harbor. Por isso, é um ponto turístico de Honolulu. Apesar de ser um cemitério, não tem características fúnebres. Além disso, ele foi construído dentro de uma cratera vulcânica e oferece uma ótima vista.

Atrativo de um intercâmbio no Hawaii

Aloha Tower

A torre possui dupla função. Ao mesmo tempo em que é um marco turístico da cidade, serve também como farol, sendo guia para as embarcações que passam pelas águas havaianas.

Atrativo de um intercâmbio no Hawaii

Diamond Head

Trata-se de uma montanha de formação vulcânica, muito apreciada por suas inúmeras trilhas. Para os que chegam ao seu topo, a recompensa é uma vista incrível da cidade.

Atrativo de um intercâmbio no Hawaii

Waikiki

A praia de Waikiki traz aquela imagem tradicional que temos do Hawaii, com areias brancas, água cristalina, surfistas o ano todo e aquelas tradicionais palmeiras à beira-mar. O nome significa “jatos de água” no dialeto havaiano, e foi escolhido devido aos diversos riachos que a separavam do resto da ilha.

Atrativo de um intercâmbio no Hawaii

 

 

O que acha da ideia de um intercâmbio no Hawaii? Deixe seu comentário.

Volta ao mundo de trem
Em roteiro de viagem de volta ao mundo
Casal em lua de mel barata no exterior
O tango, ícone da música local, pode ser conferido em casas de shows e mesmo nas ruas. Foto: iStock, Getty Images
Uma das cidades mais caras do mundo para turismo
Uma das cidades mais baratas da Itália