Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Imposto de Renda: saiba como ficam as alíquotas para 2016

A- A+

Você mal deve ter saído do emaranhado de documentos que envolve a declaração do Imposto de Renda (IR) do ano-calendário 2014, mas saiba que algumas definições sobre a prestação de contas do próximo ano já estão definidas. A alíquota do ano-calendário 2015, que você fará a declaração em 2016, já teve a tabela corrigida. Os índices definidos pelo governo federal, após longa negociação com o Congresso, ficaram entre 4,5% e 6,5%, dependendo da faixa salarial do contribuinte.

Vai ficar assim: nas duas primeiras faixas salariais, o Imposto de Renda será reajustado em 6,5%. Na terceira faixa, o reajuste será de 5,5%; na quarta faixa será reajustado em 5%; e na última faixa – que contempla os salários mais altos – será reajustado em 4,5%.

imposto-de-renda

Alíquotas do Imposto de Renda de 2016 já estão definidas. Foto: iStock, by Getty Images

Com a correção, quem ganha até R$ 1.903,98 estará isento do Imposto de Renda. Na faixa entre R$ 1.903,99 e R$ 2.826,65, o contribuinte pagará 7,5% de IR. A alíquota de 15% passará a incidir sobre as rendas entre R$ 2.826,66 e R$ 3.751,05. Na quarta faixa, está quem ganha entre R$ 3.751,06 e R$ 4.664,68, que pagará imposto de 22%. A maior alíquota, de 27,5% passa a ser aplicada a quem recebe a partir de R$ 4.664,69.

Segundo o governo federal, a nova tabela favoreceu as pessoas que ganham menos, mas, ainda assim, os reajustes previstos não acompanham a inflação prevista para todo ano. De acordo com o Boletim Focus, relatório divulgado semanalmente pelo Banco Central com as perspectivas dos principais economistas brasileiros para inflação e crescimento do PIB, o índice deve superar os 8% em 2015, acima da meta do Planalto, que é de 6,5%.

Como ficam as tabelas do Imposto de Renda 2016 (ano-calendário 2015)

Base de Cálculo (R$) Alíquota (%) Parcela a Deduzir do IR (R$)
Até 1.868,22 0 0
De 1.868,23 até 2.799,86 7,5 140,12
De 2.799,87 até 3.733,19 15 350,11
De 3.733,20 até 4.664,68 22,5 630,1
Acima de 4.664,68 27,5 863,33

Os limites de dedução e isenção também mudam para 2016:

Isenção para Aposentadoria e Pensão (mensal): R$ 1.868,22

Dedução com instrução (anual): R$ 3.527,74

Dedução por dependente (anual): R$ 2.253,56

Para o Imposto de Renda 2016, também será reajustada a dedução simplificada opcional: de R$ 15.880,89 no ano-calendário 2014, declarado neste ano, para R$ 16.595,53 a partir do ano-calendário 2015.

Vivo Alerta CPF

Imagine um serviço que te alerta cada vez que houver consultas ou movimentações em seu CPF? Entre as funções do Vivo Alerta CPF está o envio de um SMS ao cliente toda vez que ocorrer uma alteração no status do seu nome nas bases de dados da Serasa Experian, também toda vez que uma empresa consultar o nome do cliente nas bases de dados da Serasa e ainda quando o seu nome estiver prestes a ser negativado.

Além disso, o cliente recebe exclusivas dicas anti-fraude e pode visualizar o relatório completo sobre o seu CPF.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Gostou das dicas para Imposto de Renda? Deixe seu comentário.

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças