Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Feira de filhotes pode não ser o lugal ideal para comprar um pet

A- A+

Eles são lindos e fofinhos e seus filhos insistem para que você compre e leve para casa. Por vezes, nem você resiste e se derrete com aquele olhar carente. Mas será que comprar bichinhos de estimação em uma feira de filhotes é uma boa ideia? Saiba mais sobre como esse tipo de evento funciona e conheça cuidados na hora de adquirir um pet.

Problemas comuns em uma feira de filhotes

Uma feira de filhotes pode reunir os animaizinhos mais fofos que você já viu, mas nem sempre as condições em que o evento acontece favorecem o bem-estar e a saúde deles. Lugares mal arejados, abafados, excesso de pessoas circulando, higiene precária e riscos de desidratação são alguns dos problemas recorrentes que podem comprometer seu futuro companheiro.

Feira de filhotes

Estrutura dos eventos não costuma ser a mais adequada para a saúde do pet. Foto: iStock, Getty Images

O ideal seria que uma feira de filhotes acontecesse vinculada a entidades, como clubes de raças ou kennel clube, assim como exposições, contando com inspeção sanitária e cuidados com ventilação e higiene. Mas nem sempre essa é a realidade, até mesmo por que especialistas não costumam ver o evento com bons olhos.

De acordo com o veterinário Renato Pandolfo, não é raro que um pet adquirido em uma feira de filhotes seja levado ao seu consultório com algum problema de saúde decorrente do estresse ou mesmo desmame precoce. “É muito comum o animal chegar com verminoses, parvovirose ou dermatites. Muitas vezes, locais inadequados também provocam desidratação”, relata.

Dicas para comprar na feira de filhotes

Se você não resistir e decidir comprar um animalzinho em uma feira de filhotes, o veterinário faz alguns alertas quanto à saúde do pet que for escolhido. O ideal é que o filhote esteja alerta, que venha quando chamado e não esteja prostrado.

Também é importante observar a higiene da feira de filhotes e do ponto de venda, além do local específico onde o animal está – se não há urina ou fezes acumuladas. Veja se o pet foi alimentado e se há água disponível para se manter hidratado.

O preço é algo que pode variar muito – e é importante pesquisar. Além disso, se você quiser um animal puro, com pedigree, o recomendado é consultar um kennel clube e pedir todos os certificados.

Cão vacinado em feira de filhotes

Pet deve estar imunizado. Foto: iStock, Getty Images

Mas é preciso conferir se são verdadeiros, especialmente se os custos do criador com a entidade estiverem sendo repassados a você.

O valor de filhotes de cães de raça pode variar de R$ 1 mil a R$ 12 mil se o animal tiver pedigree e vier de ninhadas de pais campeões. Gatos também podem variar de R$ 1 mil a R$ 8 mil.

Informe-se sobre as vacinas que o animal já tomou, sobre controle de verminoses e também sobre a saúde dos pais dele.

Após a compra, faça uma visita ao veterinário para exame clínico. Assim, você pode verificar se está tudo bem com o bichinho e também providenciar as próximas vacinas.

Você vai se interessar por:

Adestrar cachorro: veja quanto custa o treinamento

Quanto custa manter um cachorro? Faça as contas e descubra

Fique de olho nas dicas para encontrar cães para adoção

 

Gostou das dicas sobre feira de filhotes? Deixe seu comentário.

como economizar na limpeza
viagem com pets
Como tirar manchas de mofo e bolor da parede
Homem procurando uma casa de família para deixar seu cachorro.
Homem consertando o próprio carro e fazendo o pedido de produtos automotivos.
ipva mato grosso do sul