Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Faculdade de História: veja valores e áreas de atuação profissional

A- A+

Conhecer as principais mudanças pelas quais passou a humanidade e, mais do que isso, transmitir esse legado para as novas gerações. Geralmente, é com isso que sonham os candidatos à faculdade de História. Mas você sabe quanto custa realizar a graduação dos seus sonhos?

O custo da faculdade de História

O valor pode mudar conforme a região do país, assim como o tempo de duração de curso. Seja qual for a sua região, é importante pesquisar para encontrar a universidade privada que melhor alie bom preços à qualidade de ensino.

Na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS), a faculdade dura quatro anos, com a primeira mensalidade em R$ 904,34 e, as demais, com valor de R$ 839,22. Já na Universidade Veiga de Almeida, no Rio de Janeiro, o curso de História tem três anos e as mensalidades ficam em R$ 764,81.

Aluno da faculdade de História

Campo de atuação do historiador é amplo, indo muito além das salas de aula. Foto: iStock, Getty Images

Como funciona o curso

Na inscrição para o vestibular, o candidato deve optar entre bacharelado ou licenciatura. No segundo caso, ele se tornará apto a lecionar, seja no Ensino Fundamental, Médio ou Superior. Já o bacharelado oferece um campo de trabalho mais amplo, com possibilidade de atuação na pesquisa científica.

Entretanto, as duas modalidades oferecem basicamente os mesmos conteúdos. Assim, tanto os bacharéis quanto os licenciados aprendem desde a pré-história até as transformações sociais atuais. Afinal, tudo o que acontece entra para a História, não é mesmo?

Mercado de trabalho

Além do trabalho nas instituições de ensino, o bacharel ou o licenciado em História podem prestar serviços para instituições públicas ou privadas – como arquivos, museus e centros de memória – ou qualquer outro trabalho voltado à preservação do patrimônio histórico. Nesse caso, a organização e acervos a prestação de consultoria são as principais funções.

Fora da sala de aula, o historiador trabalha com base na pesquisa dos mais diversos documentos – manuscritos, impressos, filmes, gravações, fotos, jornais e objetos – fazendo sua datação, conferindo sua autenticidade e avaliando sua importância para a compreensão dos acontecimentos.

O nascimento de muitas ONGs que necessitam do resgate da memória de alguns personagens também demanda o trabalho de um historiador. Da mesma forma, o crescente número de produções cinematográficas de época, além dos roteiros para documentários, também são campos de trabalho em expansão.

Esse campos tendem a crescer, uma vez que a lei obrigada as emissoras de televisão e exibir conteúdo nacional em sua programação. Cidades históricas, que contam com um número significativo de museus, também oferecem boas oportunidades.

Você vai se interessar por:

Áreas de trabalho

Autoria e consultoria: Produção e avaliação de material didático voltado a editoras ou instituições de ensino.

Ensino: Ministrar aulas de história geral ou do Brasil para os ensinos Fundamental, Médio ou cursos pré-vestibulares. Os pós-graduados também podem lecionar na educação superior.

Memória empresarial: Pesquisar a história de empresas e instituições e apresentá-la em livros, artigos ou reportagens.

Pesquisa: Investigação de temas específicos em arquivos, institutos de pesquisa e universidades para produzir teses, livros e artigos.

 

Gostou das dicas para cursar Faculdade de História? Compartilhe o artigo!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria