Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Exija nota fiscal: 7 motivos para solicitar o documento

A- A+

A forma na qual você realiza o pagamento das suas compras fica à sua escolha. Pode ser dinheiro, cheque, cartão de crédito ou de débito. O importante mesmo é que se exija nota fiscal sempre. O documento é a melhor forma de garantir os seus direitos como consumidor.

Se você ainda não tem o hábito de solicitar o cupom fiscal no ato da compra, confira a seguir sete motivos elencados pelo Procon de São Paulo para aderir a essa ideia.

Exija nota fiscal sempre.

Nota fiscal é documento que assegura os direitos do consumidor ao comprar. Foto: iStock, Getty Images

Exija nota fiscal: 7 boas razões

Certificado de garantia

Somente com a nota é possível usar o certificado de garantia fornecido pelo fabricante, porque ele entra em vigor a partir da data de emissão do cupom.

Comprovante da compra

Ao comprar um produto com defeito, a nota fiscal serve como comprovante de compra, fundamental na hora de reclamar.

Indica a data da compra

Peças de vestuário que se desgastam em um prazo desproporcional ao tempo de uso podem motivar reclamação do consumidor. Quando ele discutir a qualidade do produto, a nota fiscal vai comprovar a data de compra.

Comprova publicidade enganosa

Junto com folhetos ou outras peças, a nota fiscal ajuda a comprovar a publicidade enganosa, como quando o preço e outros detalhes das mercadorias anunciadas não correspondem à realidade.

Denuncia irregularidades

Ajuda a comprovar rótulos irregulares de produtos nacionais e importados (sem prazo de validade, ausência da descrição dos componentes ou de tradução para o português), em flagrante desrespeito ao Código de Defesa do Consumidor.

Atende à exigência da loja

A loja pode exigir nota fiscal para trocar produtos que não agradaram ao consumidor (cor, modelo ou tamanho). Em algumas vezes, é solicitada também a etiqueta presa à peça.

Respeita a legislação

Mesmo quando os produtos adquiridos já estão com algum tipo de defeito e, por isso, estão com o preço mais baixo, é aconselhável exigir que os defeitos sejam claramente discriminados na nota fiscal. De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, o produto deve servir ao fim a que se destina.

Além dessas dicas, para sua maior garantia, é fundamental solicitar ao atendente para que conste na nota fiscal todas as possibilidades e condições de troca do produto adquirido. Pode não haver produto suficiente em estoque e, nesse caso, outras soluções precisam ser apresentadas .

Você vai se interessar por:

8 dicas para o dia a dia de bem com o seu bolso

Gesto de solidariedade: doar nota fiscal para entidade é confiável?

Nota fiscal e comprovantes: veja por quanto tempo guardar

Exija nota fiscal e obtenha benefícios

Outro motivo pelo qual é muito importante que se exija nota fiscal é reverter parte do imposto de um cupom fiscal aos estados e aos municípios, que têm como obrigação transformar esse dinheiro em benefícios à população.

Programas como Nota Fiscal Paranaense, Nota Fiscal Carioca, Nota Fiscal Paulista, Nota Fiscal Gaúcha, entre outros espalhados pelo Brasil, fornecem esse tipo de benefício a quem exige o documento na hora da compra. Além disso, oferecem aos participantes oportunidades de ganhar prêmios em dinheiro.

Por isso, é imprescindível que se exija nota fiscal sempre após efetuar uma compra em qualquer estabelecimento comercial. Além de ser um direito do consumidor e uma garantia do produto, a atitude contribui para o desenvolvimento da sociedade como um todo.

 

Se gostou das dicas, exija nota fiscal em suas compras. Compartilhe a ideia!

vale a pena usar roupas de marca
feiras de trocas
Comprar tablet
Mulher entende o que é carnê-leão
Comprar smart tv
micro-ondas ou forno elétrico