Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

ETF: fundos de índice diversificam risco de investir na bolsa

A- A+

Você quer começar a investir na bolsa de valores, mas procura um jeito de diversificar o risco das suas aplicações? Um bom atalho para fazer isso são s ETFs (Exchange Traded Funds), fundos espelhados em índices cujas cotas são negociadas na bolsa da mesma forma que as ações.

Na bolsa, os índices são um indicador de desempenho de uma seleção de ações, destinada a representar determinado setor ou segmento de mercado. Assim, um índice pode servir como um termômetro da valorização de um determinado grupo de papéis ao longo do tempo. Assim, por meio dos ETFs, também conhecidos como fundos de índice, o investidor mantém indexada uma parte da carteira de ações, operando de acordo com a tendência geral da bolsa ou de um determinado setor econômico.

Ao investir em ETFs, o investidor diversifica o risco de suas aplicações na bola. Foto: iStock, Getty Images

Ao investir em ETFs, o investidor diversifica o risco de suas aplicações na bola. Foto: iStock, Getty Images

Em outras palavras, quando aplica em um fundo de índice, o investidor passa a deter uma parcela de todas as ações componentes desse índice de referência. Isso sem ter a necessidade de comprar separadamente os papéis de cada empresa.

“Os ETFs funcionam como se o investidor comprasse um índice ao invés de ações”, explica o economista e especialista em mercado financeiro, Leonardo Rocha. “A partir da compra de um ETF, o investidor recebe uma cesta de ações pagando o preço de uma. A desvantagem é que ele não pode escolher as ações que vêm nesse pacote, mas essa característica também diminui os riscos, já que o investimento não está direcionado em uma única empresa”, detalha.

Características e vantagens dos ETFs

Investir em ETFs traz uma série de vantagens para o investidor, principalmente aqueles que não têm muito capital para aplicar. “Com cerca de R$ 200 você já pode investir em um ETF”, afirma Leonardo Rocha. “É um preço bastante acessível para todo tipo de investidor”, avalia.

Outra vantagem são as baixas taxas de administração, menores em comparação com as de outros tipos de fundos de ações. A taxa de administração é debitada proporcionalmente ao tempo de aplicação. Ou seja, o investidor será cobrado pelos dias que ficar com as cotas em sua carteira. Mas o investidor precisa ficar atento à cobrança de taxas de corretagem e custódia pelas corretoras.

Você vai se interessar por:
É possível ganhar dinheiro na Bolsa de Valores em 2015?
Investir na Bolsa de Valores pode ser arriscado? Descubra

A praticidade e a transparência na hora de investir são outras vantagens que atraem investidores para os ETFs. O investidor pode acompanhar as alterações na composição ou proporção de um índice sem precisar comprar ou vender ações. E a qualquer momento ele pode também saber qual a composição do ETF em que está investindo, basta acompanhar essas informações no site da Bolsa de Valores.

Os fundos de índices podem ser de renda fixa ou variável. A aplicação ou o resgate de um ETF pode ser feito a qualquer hora, diferente dos fundos de ações tradicionais que podem exigir valores mínimos de investimento e possuem horários e janelas de entrada e saída nos fundos mais restritos.

Como escolher o ETF

Existem vários tipos de ETFs, cada um deles acompanha um índice diferente: índices do setor imobiliário, de consumo ou de instituições financeiras, por exemplo. A escolha do fundo de índice mais adequado para cada investidor vai depender da sua estratégia de investimento.

O site da própria Bolsa de Valores dá duas dicas na hora de escolher o melhor ETF para o objetivo financeiro do investidor. A primeira é procurar uma boa corretora que ajude nessa escolha. A segunda dica é usar a experiência do investidor enquanto consumidor para identificar setores econômicos mais promissores.

Gostou das dicas de ETF? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

quando vale a pena comprar título de capitalização
oscilações da Bolsa de Valores
como lucrar vendendo cachorro quente
como lucrar vendendo bolo no pote
como abrir uma franquia de alimentos
como abrir uma empresa de coleta de entulho