Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Entenda o que é inflação e como influencia sua vida

A- A+

Em certo dia, você vai ao supermercado e compra um quilo de tomate por R$ 5. No mês seguinte, no mesmo local, o preço do produto já está custando R$ 5,50. Este é um exemplo de o que é inflação, o aumento no preço dos produtos durante determinado período em um país ou uma região. No exemplo mencionado, a inflação do tomate foi de 10% (para cada real do preço original, o aumento no preço final foi de 10 centavos).

Na prática, em um processo inflacionário o aumento de preços é verificado na grande maioria dos bens e não só em alguns, como na hipótese acima. Como resultado, o poder de compra da moeda cai, uma vez que, enquanto os preços dos produtos sofrem aumento, os rendimentos salariais dos trabalhadores permanecem os mesmos.

seudinheiro-o-que-e-inflacao

No Brasil, instituições oficiais e não oficiais elaboram índices para medir a inflação e o aumento nos preços. Foto: iStock, by Getty Images

Você vai se interessar por:

Saiba como economizar em tempos de alta da inflação
Saiba o que é a taxa Selic e qual o seu impacto no bolso

No Brasil, instituições oficiais e não oficiais elaboram índices para medir a inflação, considerando os mais variados itens que compõem os gastos dos cidadãos. O principal é o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e considerado a inflação oficial do país. Além deles, existem o Índice Geral de Preços (IGP), medido pela Fundação Getúlio Vargas, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), calculado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), e o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), também medido pelo IBGE.

Na prática, o que é inflação?

São vários os fatores que podem deixar um produto mais caro ao final de um período – como o que ocorreu com o tomate na hipótese inicial. Produtos e serviços nacionais, por exemplo, mudam de preço de acordo com o custo da produção, que inclui gastos com insumos, energia, salários dos trabalhadores e transporte, além dos impostos cobrados pelo governo.

Exemplo de o que é inflação: quando o preço do óleo diesel – usado em caminhões e veículos de carga – aumenta, os preços dos produtos transportados também acabam subindo. Os itens importados, por sua vez, têm seus preços influenciados pelas mudanças da cotação (valor de comparação) do dólar em relação ao real.

Embora, de forma direta, o consumidor não tenha interferência e poder de decisão sobre os aumentos de preços no mercado e sobre o que é a inflação, de alguma forma ele pode contribuir para que os valores de venda dos itens não sejam tão elevados. A chamada “lei da oferta e da procura” costuma ser decisiva para que, mesmo em casos nos quais os custos de produção tenham sido elevados, os produtos não acabem se encarecendo de forma proporcional. Os efeitos da oferta e da procura no mercado são, na verdade, determinados pelo conjunto de decisões e práticas de compra e venda encontradas no mercado como um todo.

Utilizando como exemplo a mesma situação do aumento do tomate, se, após o aumento do preço do quilo de R$ 5 para R$ 5,50 um grande número de consumidores deixar de comprar o produto, os vendedores serão obrigados a baixar os preços para tentar fazer com que o produto saia das gôndolas. Por outro lado, se, mesmo com o aumento, a procura pelo produto continuar intensa, fazendo com que restem poucos frutos nos supermercados, os negociantes poderão manter os preços ou até, em casos extremos, aplicarem valores ainda maiores, em razão justamente da procura elevada pelo item.

Você tem uma boa dica? Deixe seu comentário.

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria